Home page

19 de setembro de 2019

Responsável: Constantino K. Riemma


O Mundo Sombrio de Sabrina e o Tarot
Samantha Godoy Collares
A série original da Netflix O Mundo Sombrio de Sabrina (The Chilling Adventures of Sabrina) trouxe, em sua segunda parte no episódio 4, a temática do universo do tarot. No episódio As Profecias do Dr. Cerberus, que é voltado às previsões do Tarot, uma misteriosa tarotista – que se apresenta como Sra. McGarvey – aparece na livraria e cafeteria do Dr. Cee e faz interpretações com o tarot para alguns dos personagens.
O Mundo Sombrio de Sabrina e o Tarot
"Nós não lemos as cartas, menina. As cartas nos leem."
Ilustrações obtidas na internet e www.polygon.com/2019/4/8/18296755/chilling-adventures-of-sabrina-netflix-tarot
Esse texto tem como finalidade, observar e analisar cada uma das tiragens que foram feitas para os personagens, se fez sentido nas simbologias pessoais e gerais dos arcanos, para o desenvolvimento do personagem ao longo da temporada. É importante salientar que essa análise terá spoilers.
Sabrina
A primeira pessoa para quem a Sra. McGarvey interpreta o tarot, é Sabrina. As cartas que saíram para Sabrina foram O Mago, o Três de Espadas e A Torre. A pergunta de Sabrina, foi se deve confiar em seu namorado, Nick. A maior questão em jogo e que condiz muito com os propósitos do tarot em um ponto de vista da realidade, é que a interpretação da tarotista na série, é sobre as escolhas dos consulentes. As cartas do tarot mostram o que pode acontecer caso a (o) consulente opte por determinado caminho, e isso é um dos elementos mais indicados em uma consulta de tarot, que não se pergunte o que deve fazer mas quais os potenciais de acontecimento com base em determinados caminhos.
Não é diferente na série, pois O Mago fez sentido com relação ao personagem do Nick, uma vez que ele é um jovem, que tem fama por ser um Mago que tem bastante conhecimento e que, em alguns momentos da série, gosta de mostrar suas habilidades para o público. O Mago, no tarot, é uma pessoa que mostra seu conhecimento perante a representação dos 4 naipes do tarot (nas ilustrações clássicas como Rider Waite – Smith),   ouros, espadas, copas e paus que representam respectivamente terra, ar, água e fogo. Esses elementos compõe mecanismos de trabalhos mágicos pelo Mago, e não é diferente na série.
O Mundo Sombrio de Sabrina e o Tarot - Sabrina
As cartas para Sabrina: O Mago, A Torre e o Três de Espadas
Depois com o Três de Espadas, a taróloga diz que essas três espadas perfuram o coração dele. Então, na leitura das cartas, a tarotista mostra por meio de um transe, e da interpretação, o que pode acontecer caso Sabrina confie ou até mesmo desconfie de seu namorado. Uma série de acontecimentos trágicos acontece, de modo que a tarotista aconselha Sabrina a confiar em Nick, porque não é a ele que ela precisa temer. Uma questão interessante, é que essa previsão – assim como todas – faz sentido no final dessa segunda parte de série, pois todas as previsões acontecem independente do que for escolhido.
Nick acaba, em um jogo de exibicionismo e busca pelo poder e conhecimento, se unindo à Lúcifer para trazer Sabrina, o que condiz com a carta o Mago, pela sua busca e crescimento enquanto tal. O Três de Espadas também faz sentido na tiragem, uma vez que ele magoa Sabrina no final da série, por ter traído sua confiança. O Três de Espadas é uma carta que mostra, quase sempre, uma decepção amorosa ou ausência de uma pessoa amada. E a Torre, como a última carta que foi retirada para Sabrina, pode ser interpretada como uma mudança intensa nas estruturas do (a) consulente, muitas vezes sem um preparo prévio.
Para Sabrina em si, ela descobre que não é filha de seu pai Spellman, mas sim do próprio Lúcifer, ou seja, assim como um dos significados da Torre de que, as vezes as certezas que temos intactas podem ser abaladas e derrubadas. No final, apesar dos caminhos serem diferentes, Sabrina podia confiar em Nick, embora ele a tenha decepcionado:  no final da segunda parte da série, assistimos Nick sendo levado por Lilith para o inferno, em que ele se sacrificou para poder salvar Sabrina de Lúcifer, indicando também a ausência mostrada pelo Três de Espadas.
Theo
Theo busca, em seu período de transição de gênero, encontrar a si mesmo. Ele pergunta à tarotista se vai conseguir encontrar sua própria identidade física. Para ele, McGarvey retirou O Cavaleiro de Espadas – a busca incessante e descontrolada por um objetivo e a resposta para sua pergunta, saiu A Roda da Fortuna. Então, mais uma vez em transe e na interpretação, mostra-se que Theo conseguirá aquilo que busca, mas não quer dizer que vai encontrar a si mesmo de forma plena. Ele rouba um feitiço para Metamorfose de Gênero na casa de Sabrina, mas o feitiço dá errado, pois seu braço começa a petrificar em madeira, ocasionando uma escolha que ele precisa fazer, entre ter o corpo que quer porém sem um braço, e ou retirar todos os efeitos do feitiço mas mantendo seu corpo antigo.
O Mundo Sombrio de Sabrina e o Tarot - Theo
O Cavaleiro de Espadas a carta representativa de Theo
Na previsão, ele opta por cortar o braço, porém descobre que o resto do corpo já estava se transformando em madeira também. É interessante perceber, pela Roda da Fortuna, que assim como esse arcano pode mostrar novos ciclos que são renovações, esteticamente positivos, também pode acabar nos levando em direções que não temos controle. A Roda pode girar tanto pro bem, quanto pro mal. A questão, assim como a da Sabrina, é que Theo acaba passando por um encantamento no final da temporada, em que está se transformando em uma planta (mandrágora), assim como a previsão o apontou, porém, por caminhos diferentes.
Roz / Rosalind
Roz está com dúvidas sobre fazer uma operação em relação aos seus olhos, pois está cega. A Sra. McGarvey retira uma carta para ela, que é A Justiça. Esse é o ponto central, uma vez que a previsão mostra que se ela optar por fazer a operação, ela vai acabar (sem saber), retirando os olhos de outra pessoa saudável para ser colocados nela. Roz é uma personagem que tem como traço a honestidade e justiça, então o arcano acaba por fazer sentido em vários elementos. No final da temporada, Rosalind volta a enxergar, e consegue isso de uma maneira justa e sem prejudicar outra pessoa.
O Mundo Sombrio de Sabrina e o Tarot - Roz-Rosalind
Justiça, a carta retirada para Roz
"Nossos destinos não são inalteráveis. Você ainda tem uma escolha a fazer."
Acredito que a carta A Justiça seja uma carta que pode expandir seus significados para diversas áreas. No arcano da série, a representação é de uma mulher na mesma posição da estética costumeira desse arcano, porém com os traços da Roz e com uma venda nos olhos. Mostra-se que a consulente estava cega, também, para as injustiças que poderiam ser ocasionadas caso ela prosseguisse com a cirurgia. Essa carta foi mais adaptada esteticamente e de forma clichê ao contexto da série.
Zelda
Na consulta de Zelda com as cartas do tarot, observo uma questão que ficou um tanto desconexa para mim. Zelda, ao chegar no Dr. Cerberus, e é então encorajada pela irmã Hilda a se consultar com as cartas do tarot, desconfia da leitura de cartas e se mostra cética ao tarot e à cartomante Sra. McGaver. Quase como a visão senso comum que algumas pessoas, ainda podem ter, sobre a cartomancia – como um charlatanismo. Porém, não faz sentido ter acrescentado essa visão para Zelda, e muito menos para o contexto da série, uma vez que ela é uma bruxa que diariamente executa feitiços e mágicas sobrenaturais, mas desconfia de uma leitura esotérica ao tarot?
O Mundo Sombrio de Sabrina e o Tarot - Zelda
A Suma Sacedotisa, a primeira carta tirada para Zelda
De qualquer forma, ela acaba sendo convencida pela tarotista, uma vez que ela mostra A Suma Sacerdotisa como a primeira carta que foi retirada pra ela. A questão de Zelda é que ela está para casar com o Padre Blackwood, mas guarda um grande segredo. Ela quer saber se deve ou não contar o segredo ao seu noivo, antes de casar. A Suma Sacerdotisa é uma carta adequada para ela, porque ela de fato busca um posto de poder e conhecimento ao se casar com o Sacerdote da Igreja da Noite.
Importante perceber que uma segunda carta sai para ela, O Eremita. A estética da carta também lembra Zelda, caminhando na floresta conforme a previsão para tentar solucionar o segredo que ela guardava. No final da temporada, de fato, em conformidade com os significados do O Eremita, ela descobre que nem sempre buscar apenas o conhecimento e o poder pode dar a ela o que procura. Pode acabar isolada, solitária na busca de seus objetivos internos e externos, o que interpreto como um viés ‘’invertido’’ do que se poderia ver O Eremita. A consulta mostra, o que aconteceria caso Zelda optasse por revelar o segredo ao seu noivo.
Harvey
Para Harvey, que humildemente se consulta com a Sra. McGarvey, aparece O Louco e o Ás de Ouros. Assim que ela retira a carta O Louco para ele, ele reconhece a si mesmo na carta. Percebemos então uma tradução do O Louco para "O Bobo" (The Fool), pois de fato, Harvey é um personagem que é inocente e ingênuo frente aos acontecimentos e situações ao seu redor e, muitas vezes, toma atitudes com base nas emoções e não tanto na racionalidade. A ingenuidade frente ao precipício é uma das características do O Louco. A ilustração da carta lembra o personagem, também.
O Mundo Sombrio de Sabrina e o Tarot - Harvey
A cartas para Harvey: O Louco, O Pendurado e o Ás de Ouros
A questão de Harvey, é que aparece uma oportunidade para ele estudar artes em uma Colônia de Artes no verão, e ele está indeciso sobre ir.
A previsão, é que se ele optar por ir, vai dividir o quarto com um colega de quarto um tanto quanto estranho. No decorrer da previsão, descobre que seu colega pinta demônios que aparecem no quarto, por um portal. Harvey, na previsão, acaba por encontrar obstáculos e descobre um portal para o inferno assim como vê seu colega de quarto morto, em um ato de suicídio. No final da temporada, observamos que ele, de qualquer maneira, mesmo optando por não ir à Colônia de Artes, acaba por ter que usar sua arte para impedir que demônios cheguem à cidade de Greendale e que passem por um portal nas minas da cidade. Na previsão, a tarotista diz a ele que ele vai sofrer pela sua arte, mas não precisa sair da cidade para que isso aconteça.
Ambrose
Ambrose é uma pessoa confiante de si mesmo, que não sabe o que perguntar ao tarot pois acha que já sabe tudo sobre sua vida. Mas acaba por optar perguntar sobre seu relacionamento com Luke, seu namorado. As cartas para ele são O Hierofante, O Diabo e A Morte. O Hierofante pode ser representado como a instituição que Ambrose está cada vez mais ligado, que é a Escola de Ocultismo.
O Mundo Sombrio de Sabrina e o Tarot - Ambrose
A Morte, uma das cartas que sairam para Ambrose
Quando O Diabo aparece, ele logo se identifica com a carta, e faz sentido, uma vez que um dos significados desse arcano é a ambição e sensualidade.
Ambrose é um personagem que tem como característica sua boa aparência e também como uma pessoa com uma liberdade sexual bastante forte, estando presente em várias cenas da série sensualmente. A Morte é o que de fato acaba acontecendo, uma vez que Luke, seu namorado, morre nas mãos dos Caçadores de Bruxas.
Conclusão
Claro que não pude apurar todos os elementos significativos nesse episódio, assim como não pude captar todas as previsões até o final da segunda parte dessa temporada. Porém, os elementos identificados são importantes para perceber que todo o episódio foi focado nas previsões do tarot.
Há um elemento muito importante: em momento algum a tarotista embaralha as cartas. O embaralhamento das cartas sempre foi executado a fim de que não haja trapaças nem escolhas prévias das cartas. Porém, percebemos que a Sra. McGaver não as embaralha, e por um motivo que descobrimos no final do episódio: ela na verdade era Lilith, disfarçada. Lilith é uma personagem da série, marcante, que manipula Sabrina e os destinos dos personagens no decorrer do seriado, e dessa vez, escolheu o tarot como um mecanismo para tal feito. Porém, ainda que ela tenha manipulado e descoberto o íntimo dos seus consulentes, suas previsões se concretizam, de formas diferentes, mas se concretizam no final da temporada.
Alguns significados tem muito a ver com as cartas do tarot em si, em outras ficam algumas lacunas. Por exemplo, cartas como A Morte correspondem aos significados literais, mas na realidade podem indicar metáforas de Morte. A Morte nem sempre significa a morte física. As cartas do baralho se parecem com elementos da série e os personagens das ilustrações são parecidos com os próprios personagens, percebendo que provavelmente o deck foi desenvolvido para a própria série. O ponto mais legal do episódio, que respeitou a taromancia em si, é que as previsões foram com base nas escolhas dos personagens.
O tarot nunca vai dizer o que o consulente deve ou não fazer, mas vai aconselhar ou até mesmo mostrar o que pode acontecer caso o (a) consulente opte por um ou outro caminho. E foi exatamente isso que o episódio se baseou, assim como na vida real, em que nem sempre as previsões ocorrem da forma exata que foram proferidas, às vezes se realizam em meios diferentes, mas com a mesma essência. Os personagens optaram por tomar decisões diferentes e com base no que foi previsto, mas, ainda assim, alguns acontecimentos previstos aconteceram, alguns evitados, porque as nossas escolhas podem alterar qualquer previsão do tarot. O episódio trabalhou com o presente como elemento central do tarot, e fez previsões no que tem potencial para acontecer com base no presente. Afinal, esse é um dos melhores caminhos de usufruir dos benefícios da consulta de tarot.
Samantha Godoy Collares,
Graduanda em Ciências Sociais pela
Universidade Federal de Pelotas - UFPEL
www.samanthagodoy80.wixsite.com/olhardadeusatarot
Outros trabalhos seus no Clube do Tarô: Autores
Edição: CKR – 16/04/2019
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2019 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil