Home page

24 de março de 2017

Responsável: Constantino K. Riemma


Profissão, ética e dons
Trabalho & Preparo do tarólogo e do cartomante
 
O pensamento tarológico de Alejandro Jodorowsky. O criativo escritor, cineasta e tarólogo chileno, que vive na Europa, discorre sobre a importância da relação entre leitor e consulente e o poder das cartas na vida de ambos. São belas e valiosas lições que Leonardo Chioda traduziu do italiano : O caminho do Tarot
Iniciação ao Tarot. Reflexões de Jaime E. Cannes sobre os cuidados e os aspectos sutis envolvidos no processo de iniciação ao Tarô. Sua experiência profissional e sua postura diante dos valores contam pontos significativos nas ponderações que faz : Iniciação ao Tarot
Cinco qualidades para interpretar os símbolos e os rituais, apontamentos do poeta português Fernando Pessoa comentados por Leonardo Chioda : Notas
  Alejandro Jodorowsky  
  A expansão de consciência e o tarô, a ampliação do campo perceptivo com a utilização das cartas. Um relato de experiências de Jaime E. Cannes : Dons  
Regulamentação profissional
As ocupações de tarólogos e cartomantes, entre outras, são informais e não existem no Brasil
normas oficiais para elas. Veja os comentários e referências que levantamos até o momento:
  A profissão do tarólogo e do cartomante no Código Brasileiro de Ocupações. Constantino K. Riemma traz indicações da classificação oficial dessas atividades : CBO e a legislação  
9. O Eremita no tarô de Robert Place  
A PROFISSÃO DO TARÓLOGO, um painel que ajuda a saber em que pé se encontra a preparaçãoprática e teórica de tarólogos e cartomantes:
Resposta ao Eduardo, por Constantino, um depoimento pessoal : Tino
Tarólogo: profissão ou missão? reflexões de Jaime E. Cannes : Jaime
O Tarô e tarólogo e as relações propostas por Mara Rúbia Ribeiro : Mara
O tarólogo: cuidados no atendimento, relatados por Teca Mendonça : Teca
Ser tarólogo, pontos de vista de Titi Vidal sobre a preparação profissional : Titi
O tarólogo e seu trabalho, o que é e o que não é o tarô. Valéria Fernandes : Val
Comentários breves reunindo as opiniões de Dorian Martínez, Flávia Castelar, Isabel Roveda, Sérgio Schiefler : Observações
 
  Tarólogo, uma nova profissão? Nei Naiff faz um levantamento das referências legais existentes sobre as atividades do tarólogo e do cartomante e oferece sugestões : Pense no futuro  
  Tarô: o amor à arte e a profissão! Michele Kasten contatou 152 profissionais no Brasil e no Exterior e, com os dados recolhidos, desenhou um painel dos principais desafios que atualmente cercam mercado de trabalho em relação ao tarô : Conclusões da pesquisa  
Ética & Valores
  Quando o Tarô "faz mal". Reflexões de Giancarlo Kind Schmid sobre atitudes de consulentes e de tarólogos que induzem a equívocos e incompreensões : Os dez malefícios de um atendimento  
Balança ética  
Charlatões do amor. No programa Conexão Reporter da SBT a equipe de Roberto Cabrini mostra pessoas que se apresentam como "videntes" e "cartomantes" para tirar dinheiro dos supersticiosos e dos ingênuos.
Abelard Gregorian faz a ponte : Falsas videntes, ciganas e cartomantes
Fantasias cartomânticas e tarológicas. Texto de Abelard Gregorian comenta os artifícios publicitários de uma determinada linha de profissionais : As cartas pelo mundo afora
Corretas relações, texto em Betoh Simonsen reflete sobre as necessárias trocas humanas, porém permeadas de luz e sombra. Parte das referências ao Reino dos Céus, menciona vivências reveladoras e conclui com uma constatação sobre o princípio dos elementais : Corretas relações
 
  O plágio, a má-fé e a ética. Reflexões de Ricardo Pereira sobre a apropriação indébita do trabalho intelectual, situação que cresce impunemente na Internet. O autor comenta ainda as cartas do Tarô que traduzem esse fato : A má-fé  
  A Ética no atendimento profissional é um tema que está presente nos textos que compõem o painel sobre : A Profissão do Tarólogo  
Dons & Oráculo & Estudos
  Sensitiva? Denise Fernandes Marsiglia expõe seu entendimento sobre as relações entre a sensitividade, a mediunidade, e as consultas com o tarô : Vidência e destino  
  O que fazer quando o tarô não responde o que você quer ouvir? Comentários de Drika Gomes sobre as expectativas dos consulentes : Verdade ou agrados?  
  Tarô e Cartomancia. Reflexões de Rodrigo Araês Caldas Farias sobre o tarô e suas abordagens mágica, esotérica e poética. Expõe as diferentes formas oraculares e de artes mânticas: vidências, adivinhações. Inclui quadros de síntese numa jornada com os arcanos : Tarô e Cartomancia  
  Sete mitos modernos sobre o Tarot. Comentários de Jaime E. Cannes sobre o que considera como vieses e equívocos na compreensão do tarô, no entendimento do papel dos tarólogos e na aplicação prática das cartas : Os tabus, a hipocrisia e a ingenuidade  
O Alquimista de William Blake  
Dimensão do olhar, por Jaime E. Cannes. A renovação e aprofundamento da experiência profissional no atendimento com o Tarô. Os diferentes níveis de compreensão dos momentos de crise pessoal : As possibilidades do momento
Imaginação, por Betoh Simonsen. Sua importância como força criativa, como força associativa para as emoções, como porta para a consciência dos planos sutis : O processo imaginativo
Ver com os olhos livres, por Zoe de Camaris. Discute a questão das previsões do futuro e os desafios de interpretação dos oráculos : Toda vez que você olha o futuro ele muda...
 
  O papel espiritual do tarólogo, por Jaime E. Cannes. A questão dos princípios espirituais e da proposta da Nova Era face aos valores sociais e grupais : Papéis  
 
O Tarot como oráculo, por Joana Trautvetter. A função oracular do Tarot e um modelo de abrir as cartas inspirado IHVH, o Tetragrama da Cabala : Cruz Solar
Vidência: o místico e o ocultista, por Flávio Alberoni. A vidência como um dom sempre presente: "impossível fazer qualquer trabalho sério sem vidência". As qualidades que distinguem o místico do ocultista : Vidência
Uma ponte, por Maria Luiza A. Bittencourt. Um olhar do ponto de vista psicológico e terapêutico sobre a vidência aplicada às consultas com o Tarô : Psique
Vidência, por Morgand. Uma conversa simples e direta de um tarólogo sobre o que ele entende por vidência, previsões e livre-arbítrio : Um depoimento
  17. A Estrela no Aquarian Tarot
  Quatro elementos, quatro tipos de intuição. Entrevista dada por Constantino K. Riemma para Fernando Fernandse, responsável pela Constelar, site de conteúdo sobre Astrologia : Links  
  Tarô, vidência ou interpretação? por Constantino K. Riemma. Roteiro apresentado no 1º Simpósio de Tarô de São Paulo. O trabalho, a experiência e os dons envolvidos nas práticas com as cartas : Entrevista e sugestões  
  Constelar  
Quatro elementos, quatro tipos de intuição. Entrevista de Fernando Fernandse com Constantino K. Riemma : www.constelar.com.br/
comunidade/exercicio-profissional/quatro-tipos-de-intuicao
 
 
Histórias & memórias
  Época de libertação: a queda da Torre e o encontro com o Tarô. Simone Gomes Omega conta sua superação dos termores infantis : Heavy Metal e Tarô  
 
O Bandido da Luz Vermelha: como eu vi a morte de uma pessoa pelo baralho comum. Memórias de Jorge Purgly em seu aprendizado de ler o baralho em família : O Ás de Espadas
A Tiragem de cartas da Vovó Dora. Crônica em que Jorge Purgly recorda passagens com seus ascendentes húngaros : Uma história em família
A cartomancia aprendida em família. Relato de experiência da cartomante Nádia Oliveira, que já na infância aprendeu a ler as cartas no espaço familiar : As cartas em família  
O baralho, lá em casa. Bete Torii, taróloga, evoca cenas familiares às voltas com o baralho como forma de lazer e de trocas divertidas em torno da mesa : A caixinha COPAG
  Bom para desenvolver a inteligência. Constantino K. Riemma recapitula o papel do baralho nos jogos familiares antes da televisão. O vovô e os pais  
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2016 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil