Home page

17 de maio de 2022

Responsável: Constantino K. Riemma


Chegou a hora de se posicionar claramente:
faça sua escolha
Amantes, Julgamento, Imperador, Papisas e Louco mostram o caminho
Cláudia Boechat
Num ano eleitoral e num país tão polarizado a carta que rege 2022 não podia ser outra: "Os Amantes"; aquela que exige de nós uma escolha urgente, difícil e fundamental. Chegou a hora dos ditos 'isentões' descerem do muro e se posicionarem claramente bem como cada um de nós. Com tantos números repetidos fica evidente também que 2022 será intenso, muito intenso. E será cármico também com a presença de "O Julgamento" ou "O Juízo Final". Mas vamos analisar por partes para não dar um nó na nossa cabeça e trazer para essa mesa "O Enforcado" que está bem longe daqui!
Hora de posicionar claramente - Os Amantes e o Julgamento
Os Amantes e o Juizo Final
Medieval Tarot - www.loja.simbolika.com.br/medieval-tarot
Dúvidas e questionamentos
"Os Amantes" também é conhecida como 'A Carta da Dúvida'. Temos uma escolha a fazer e as opções não facilitam. Ao contrário. É preciso abrir mão de algo para preservar ou conquistar alguma coisa mais importante. Não dá para abraçar o mundo. Portanto, prepare-se para muitos questionamentos e se fizer uma escala de prioridades para cada área de sua vida ajudaria muito na hora de escolher. Foque no essencial. Quem optar pelo prescindível, pelo desnecessário, vai quebrar a cara.
Acertos de conta e poder
Vamos continuar nossa análise do ano desmembrando seu número. 20 é "O Juízo Final" ou "O Julgamento". Anjos soam trombetas para nos acordar, para comunicar que o momento do acerto de contas chegou. Estávamos como que adormecidos(as) e, ao abrir os olhos ainda não entendemos bem o que acontece. Olhe a carta: todos(as) estão nus(as), sem disfarces sociais, e assim devem se ver.
2022 requer ainda um profundo olhar para o passado. Qualquer questão a ser analisada deve ser vista desde a origem até os dias de hoje. Erros e acertos nessa trajetória devem ser honestamente identificados, sem ficar procurando justificativa. Só assim poderemos chegar a uma conclusão real do que acontece no presente.
Tempo de se posicionar claramente - O Juizo Final e o Imperador
O Juizo Final e o Imperador
Medieval Tarot - www.loja.simbolika.com.br/medieval-tarot
Não há um arcano maior de número 22. Então somamos 2+2 e temos "O Imperador" (4). A questão da autoridade e do poder está também explicitamente em pauta em 2022. Dependemos muito de nossos governantes, vamos eleger novas autoridades políticas e temos de exercer nosso próprio poder. Devemos procurar acabar de vez com todas as nossas dúvidas, olhar para o passado para não cometermos os mesmos erros e termos exata consciência da força individual de cada um(a). Muito cuidado porque é facílimo um imperador se tornar um tirano. Isso se refere tanto às autoridades que se destacarem no ano quanto a nós mesmos(as). É "O Julgamento" que nos ajudará afazer uma análise justa.
Busca pelo conhecimento
Falando em análise, desmembrando mais um pouco o número 2022 temos três "Papisas" ou "Grandes Sacerdotisas" (sem contar as outras duas que nos levaram ao Imperador). É o arcano de número 2. De cara nos pede que sejamos discretos(as) porque temos de estar bem preparados(as) antes de fazer qualquer escolha. Precisamos pesquisar, investigar, estudar bastante para entendermos direitinho a situação. Não podemos nos enganar com fake news, por exemplo. A fonte do nosso conhecimento deve ser séria e com credibilidade. Quando essa carta aparece em um jogo, costumo dizer "observe mais e fale menos".
Olhando bem para as outras pessoas vamos compreendendo cada uma delas, sejam amigas ou opositoras, e, desta forma, vamos montando o quebra-cabeças da realidade. Só quando ele estiver completo, com todas as peças em seus devidos lugares é que estaremos prontos(as) para agir ou expressar opiniões.
2-0-2-2 : Papisas e o Louco
2 - 0 - 2 - 2 : Papisas e o Louco
Medieval Tarot - www.loja.simbolika.com.br/medieval-tarot
Percebemos "O Louco" ou "O Bobo" entre as sacerdotisas. A vida não pode ser tão séria, né? Precisamos brincar de vez em quando... Arriscar. Apesar de perigoso, se aventurar e buscar novos horizontes faz parte da vida e é o ponto de partida de toda transformação. Portanto, ao fazer nossos estudos, investigações e pesquisas é importante tirar o véu da fronte e olhar para o novo.
Resumo da ópera: 2022 será um ano de escolhas fundamentais, onde o passado tem um peso importante e o poder deve ser exercido com justiça. Para isso, será necessário nos despirmos de preconceitos, reconhecermos erros e acertos do passado e buscarmos o real conhecimento sem fecharmos os olhos a possibilidades futuras. O mais importante é optar pelo que não abrimos mão de jeito nenhum e com consciência.
Cláudia Boechat, jornalista e cronista.
Contato por e-mail: taroresponde@gmail.com
Whatsapp: 11 99601-5482
Instagram: @taroresponde
Outros trabalhos seus no Clube do TarôAutores
Edição: CKR - dezembro/2021
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2020 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil