Home page

11 de dezembro de 2018

Responsável: Constantino K. Riemma


Aplicações do Tarô: ORÁCULO & DONS
    [< voltar]
Vidência, uma ponte
Maria Luiza A. Bittencourt
mluiza.ab@uol.com.br
    
    A vidência que permeia a interpretação do Tarot, Runas, I Ching faz uma ponte que transmite aos deuses o que é do homem e, aos homens, o que é dos deuses. As diferentes Energias representadas nos arcanos do Tarot, seriam assim, o "criativo em potencial”, ainda não realizado pelo Eu (o Self).
    O Self, na terminologia de Jung, pode ser definido como um fator de orientação íntima, diferente da personalidade consciente, o Ego. Este, por sua vez, teria como função essencial, esquecer seus próprios impulsos e ajudar a realizar a verdadeira totalidade da Psique, permitindo que os talentos e potenciais latentes sejam trazidos à consciência e por fim realizados. A vidência permite que, no caso do tarólogo, ele vislumbre uma possibilidade, uma abstração que, trazida à consciência do consulente, pode (ou não) se tornar real,dependendo da vontade e determinação do próprio consulente.
    Nesse sentido, o tarólogo tem também, a função de "curador". Na psique humana, nada é mais destrutivo do que os impulsos criativos inconscientes não realizados. Ao entrar em contacto com a Alma do consulente, através das 22 figuras dos arcanos, é possível curar uma neurose, uma psicose ou uma deformação da personalidade levando o "paciente" a uma formulação criativa dos conteúdos que o atormentam, integrando as partes divididas, esquecidas ou postas de lado, na Sombra. É ocaminho para a integração com o Self
    O tarólogo age, em outras palavras, como um iluminador dos potenciais latentes e como “curador” de partes importantes do indivíduo que por uma razão ou outra, foram relegadas.
    Por fim, é importante lembrarmos do papel da interpretação responsável por parte do tarólogo. Além de trabalhar com seus talentos intuitivos inatos, deve se dedicar a um estudo profundo e uma prática diária que lhe permitam a sintonia fina com o consulente pela vidência e interpretação correta dos arcanos.
abr.07
 
 
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2018 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil