Home page

11 de dezembro de 2018

Responsável: Constantino K. Riemma


Charlatões do amor entre videntes e cartomantes
Abelard Gregorian
 
Se até mesmo nos setores que deveriam ser guardiões do coletivo e cujos titulares ganham ótimos salários para isso, as extorsões e desonestidades correm soltas, o que não poderíamos esperar em atividades informais que se exercem na semi-obscuridade?! Tudo é possível também no caso das cartas de baralho que têm sua origem não só como instrumento de lazer, mas igualmente de jogatinas e artimanhas!
Ja fiz um artigo sobre a questão das fantasias e artifícios que cercam a cartomancia chamada "cigana": Fantasias cartomânticas e tarológicas à qual se agregaram comentários da taróloga Sandy e que continua aberto para o registro de opiniões diferentes.
Um importante estímulo para revelar o quadro das explorações existentes entre nós, foi o programa de Roberto Cabrini, na Conexão Repórter da SBT. No site da emissora a reportagem podia ser assistida na íntegra, em três blocos de vídeos: www.sbt.com.br/conexaoreporter/reportagens/reportagem.asp/Charlatões do Amor, mas acabou sendo retirada do ar tempos mais tarde.
Ficam aqui o nosso registro e o link para essa reportagem que foi a fundo na revelação das desonestidades e que também ouviu tarólogos, sensitivos, ciganos, juristas, que ajudam a situar o problema e a orientar o público.
Reservamos, abaixo, espaço para os visitantes do Clube do Tarô colocarem livremente seus pontos de vistas e experiências para nos ajudarmos todos a melhor compreender o tema.
Charlatões do Amor (Sinopse no site da SBT)
Conexão Repórter - Roberto Cabrini
Conexão Repórter com Roberto Cabrini
 
Anúncios que infestam as cidades e prometem trazer o amor de volta. Ofertas de todos os tipos. Amarrações. União definitiva. No programa de 29 de março de 2012, Roberto Cabrini mergulhou no universo dos chamados "charlatões do amor". Em nossa investigação jornalística, desvendamos quem são e como agem os falsos profetas. O que tem a dizer aqueles que se intitulam como videntes e cartomantes?
Registramos como os supersticiosos se tornam presas fáceis. Autoridades assistem e destacam os crimes que são cometidos.
Eles se apresentam como magos, bruxos e dizem ter vidência. Será mesmo? São tempos modernos e até na internet, os sites esotéricos garantem soluções para todo tipo de problema. O destino de quem passa pelo centro de São Paulo se cruza com cartomantes. Elas oferecem seus serviços ali mesmo no vai e vem das pessoas. A sorte vira mercadoria. O futuro também pode estar na palma das mãos.
Nosso produtor se aproxima e imediatamente é abordado. Os palpites vão além da vida profissional. Para investigar como atuam as chamadas "videntes", vamos às ruas da capital. Preparamos um manual de como as pessoas são enganadas. Afinal, o destino pode mesmo estar mesmo nas cartas, nos búzios? E as videntes tem o poder de prever o futuro? Fomos em busca de respostas.
Nosso produtor faz algumas ligações. Consultas marcadas e com uma câmera escondida, chegamos para o primeiro atendimento. Em todas as consultas, a mesma história fictícia. A mesma do filme Proposta Indecente. Todas as videntes acreditam na história contada por nosso produtor. Zona Sul de São Paulo.
O programa Charlatões do Amor, do Conexão Repórter, podia ser assistido na íntegra, em três blocos: www.sbt.com.br/conexaoreporter/reportagens/reportagem.asp/Charlatões do Amor, mas acabou sendo retirado após um bom tempo de exibição.
abril.12
Contato com o autor:
Abelard Gregorian - gregorian.abelard@gmail.com
Outros trabalhos seus no Clube do Tarô: Autores
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2018 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil