Home page

16 de janeiro de 2019

Responsável: Constantino K. Riemma


Entrevista com o Tarô dos Orixás: Tema 2019
Augusto Crowley
Governo Jair Bolsonaro: O Cinco de Espadas. O primeiro ano de nosso atual governo não será nada fácil. O cinco de espadas apresenta uma tendência que já percebemos mesmo antes dele assumir: as polêmicas, as críticas, as mudanças que acabam gerando insatisfação e medo por parte da população. Será um ano de muita adversidade e até mesmo risco de se surpreender negativamente com alguém da sua equipe. O cinco de espadas sugere a traição. Espadas me fazem pensar no processo burocrático, nas leis, nos projetos que irão sacudir o país e neste ponto, muita gente vai ficar se perguntando se realmente a intenção do mesmo era mudar ou aquele discursos ficou apenas na campanha política.
Um esporte: O Sete de Ouros. Handebol, ficarei de olho nessa turma.
Profissão: A Temperança (Combinação - Oxumarê). Esta carta está direcionada a tudo aquilo que é criado, tudo aquilo que resulta da interação de duas ou mais substancias. Temperança, vem do temperar, do harmonizar. Acredito no crescimento das profissões consideradas terapêuticas (reiki, aromaterapia, floral). Bem como as profissões que se voltarem para a melhoria da qualidade de vida, principalmente no que tange a saúde: nutricionista por exemplo.
Entrevista com o Tarô dos Orixas - Tema 2019
20. Renascimento e 19. O Sol para o ano de 2019.     14. Temperança (Oxumarê) e 5. Sacerdote (Oxalá)
Cartas do Tarô dos Orixás de Eneida Duarte
Saúde: O Cinco de Copas. Esta carta no que tange a saúde, me faz pensar que as ações deverão se voltar para o cuidado com a água. Essa carta sugere agua contaminada, doenças de verão que se intensificam com o aumento das chuvas, como a dengue. E no que tange a saúde como um setor do governo, o Cinco de Copas mostra que não estaremos muito bem assistidos nesse setor. Muitas coisas irão nos deixar frustrados, pois haverá mudanças que certamente irão respingar nos investimentos para este setor.
Educação: O Pajem de Paus. Já no setor da educação, a pajem de paus ter novidades e pequenos avanços. Nova abordagem na maneira de educar, novos investimentos, penso que será um ano de recuperar um pouco da auto estima, da confiança de que ainda podemos evoluir, crescer e melhorar a qualidade de ensino em nosso país.
Segurança: O Sacerdote. Este arcano nos brindará com a sua energia de paz e aconselhamento. Este arcano representa a orientação que vem de pessoas capacitadas e da politica da paz. Sendo assim poderemos ter uma figura importante atuando para que a segurança seja enfim uma realidade e não uma simples utopia. Penso neste arcano como um ano em que a sociedade será convocada a fazer parte deste processo de enfrentamento da violência. O Sumo Sacerdote neste setor educará o cidadão, trabalhando assuntos com ética, a paz, o respeito à lei. E acredito que teremos punições mais rigorosas para quem tentar burlar as regras.
Religiosidade: O 10 de Ouros. Vivemos num momento em que as questões materiais, principalmente as de sobrevivência ou necessidades básicas, tem feito com que as pessoas estejam se desligando da questão espiritual e somado a isso, temos visto uma materialidade muito grande na forma como as religiões estão atuando. Tudo parecer girar em torno do Ter.
E acredito que neste ano isso ainda vai ocorrer nos diversos segmentos. O ser humano está dando mais valor ao processo de fé relacionada ao ter ganhos, e crescer materialmente, esquecendo que antes de Ter devemos aprender a trabalhar O Ser. Deus não precisa de grandes luxos nas vestes religiosas, mas sim da nossa entrega e de nossas ações pautadas no cuidado e respeito ao próximo.
Que a religião seja um amparo a mais para a comunidade em que atua. Que olhe por todos, independe de dízimos ou mensalidades. E quem não pode pagar, não tem direito ao Reino dos Céus?
Um orixá e suas correlações: O Sete de Paus (Ossain - Deus das folhas, da cura). Este orixá provavelmente se fara presente nos ajudando a encontrar saídas mais viáveis e naturais para tratarmos as nossas feridas emocionais e físicas. Não considere que ele seja o regente universal. Sincretizado com São Benedito, da Igreja Católica.
Emprego: O Rei de Ouros (Obaluaye - Rei da vida na terra). Está relacionado com a conquista material, com a prosperidade e isso me faz pensar numa melhora na oferta de emprego, já que o Rei de Ouros representa aquele que vai correr atrás do seu fruto, do sustento da família. É o período de buscar apoio de pessoas influentes, de ter persistência na busca do ideal. Trabalhar com amor, com atenção, prestando atenção aos detalhes, tendo o pé no chão, e acima de tudo valorizar cada oportunidade que aparecer. Para merecer o sol precisamos compreender a lua.
Economia: A Temperança. Novamente Oxumarê saiu para representar um setor e desta vez, será aquele em que cuida dos nossos recursos. A Temperança é um arcano de mudanças, mas de forma lenta. Acredito que a economia vai entrar nos eixos, mas gradativamente, e talvez sentiremos isso lá no próximo ciclo. Há muita coisa a ser feita para que possamos de fato perceber um equilíbrio entre aquilo que se produz e aquilo que retorna de fato para os setores públicos. Mas veremos alguma mudança, alguma tentativa de equilibrar esta conta que ainda não fechou. É uma ferida que está sendo tratada e que só o tempo vai curar.
Uma descoberta: Ossain (1. Mago). Novamente o Rei das Folhas, ligado também a cura, surge como resposta a este tema, o que me faz pensar que embora seja um ano de muita cautela no nível de surgimento de doenças e o aumento de casos das já habituais, também será um ano de novidades, descobertas importantes na área da saúde, assim com também na área da alimentação.
Cenario-brasileiro-2019-Petit-Entrevista-Orixas-Mago-Torre-Rei-Ouros.jpg
1. Mago (Ossain), 14. Combinação (Oxumarê), 16. Destruição (Catendê) e Rei de Ouros (Obaluaye)
Cartas do Tarô dos Orixás de Eneida Duarte
Um evento importante: O Renascimento. Esta carta está regida pelos amados e sábios preto-velhos da Umbanda, orixás que nos presenteiam com seus conselhos e benzeduras. Esta carta me faz pensar na figura do idoso como referência a este evento importante. Não dá pra polarizar aqui, se o evento será bom ou ruim, e por isso fica a mensagem de que devemos cuidar muito dos idosos, pois tudo que conquistamos hoje foi resultado de uma batalha travada pelas gerações anteriores a nossa. Vamos valorizar, respeitar e cuidar dos nossos idosos.
Politica: A Torre. A Torre é o arcano da crise, da ruptura, da mudança brusca. Acredito que não será um ano fácil no setor, muitos escândalos ainda poderá vir a tona e derrubar do poder, pessoas que até então pareciam imunes a este vicio da corrupção. A política estará num processo de mudança importante e vejo esta crise como uma necessidade. E hora de rever a nossa maneira de votar, e a maneira com que se faz política no nosso país. Muita gente vai perder seu prestigio.
O amor para solteiros e para os casados: O 4 de Espadas, Esta carta fala do processo racional que devemos trabalhar quando estamos nos relacionando ou em busca de um amor. Reavaliar questões que podemos estar jogando pra debaixo do tapete, para evitar que problemas polêmico sejam resolvidos. Vejo muita gente adiando certas resoluções com receio de perder a pessoa amada. Devem ficar cientes de que adiar não é resolver. Uma hora a vida vai trazer a situação a tona, de modo que não caberá outra saída (ou paz, ou cada um pro seu lado).
Para os solteiros talvez a reflexão seja: estou buscando um amor ou uma pessoa que satisfaça minhas carências, meus caprichos pessoais. Lembrei de uma mensagem em que se dizia: o homem deve ser educado para arrumar uma companheira e não uma empregada doméstica. Da mesma forma a mulher deve ser educada a buscar um companheiro e não uma fonte de renda. É realmente vibrar o amor. Ter paciência, deixar as coisas fluírem, mas ter uma postura realmente condizente com a sua meta. Desarmar, se permitir conhecer melhor o outro.
Uma personalidade: O Seis de Ouros. Esta carta está voltada a área do trabalho e da saúde, ou seja, questões de ordem prática e material. Acredito que um nome, que uma personalidade ligada a essas atividades (agricultura, bancário, administrador, artesão) irão se destacar de forma positiva ao longo do ano.
Uma mensagem final para o Brasileiro no ano de 2019: O 10 de Paus. Estamos terminando 2018 já meio que na energia deste arcano que antes de qualquer coisa vem falar de cansaço físico, mental, e energético. Foi um ano muito difícil, que exigiu muita disciplina, muita coragem e muita fé. Percebemos a violência, a insegurança, serem responsáveis por um ano de muito estresse em diversos setores. Por isso com carta mensageira para 2019, o 10 de Paus nos diz que é chegado o momento de administrar essa energia toda. Não podemos carregar tudo nas costas, precisamos aprender a compartilhar tarefas.
Ainda termos um ano difícil pela frente, com muitas lutas, por isso não podemos esquecer de trabalhar a nossa vibração pessoal, e a nossa saúde emocional. Alguma coisa precisa ser feita antes que a nossa raiva e o nosso cansaço seja despejado de forma negativa e em cima de quem não tem culpa.
Chega de violência, vamos ter mais paciência, saber esperar, nos doar mais e não esperar tudo do outro. Houve um tempo em que todo mundo se preocupava mais com o amigo, com o vizinho, que se colocava a disposição de alguma forma.
Com a busca desenfreada acabamos adoecendo mais e nos afastando das coisas e pessoas que nos fazem feliz. E com isso demos espaço pra esta energia negativa se instalar. Mais doenças, mais violência, mais agressividade no modo de viver. E mais acidentes.
Vamos baixar um pouco essa energia, vamos canalizar melhor essa força, para o bem, para o progresso, já que estaremos num ano de marte e por correspondência regidos por Ogun, senhor das batalhas.
Que essa força, que essa capacidade de lutar, seja por ideais nobres, pelo bem e segurança dos desprovidos de algo. Que seja pra lutar e eliminar de nossa sociedade o preconceito de qualquer natureza.
Quando o problema chegar e a mente começar a pirar: “Sinto Muito, Me perdoe, Te Amo, Sou Grato”. São palavras poderosas e que podem fazer muito bem a todos. Um feliz 2019!
Augusto Crowley (Flávio A. V. Cardoso)
é umbandista e tarólogo : www.senhordavidatarot.blogspot.com
Outros trabalhos seus no Clube do Tarô: Autores
Edição: CKR – 14/12/2018
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2018 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil