Home page

19 de outubro de 2020

Responsável: Constantino K. Riemma


  FÓRUM / CONSELHOS by CLÁUDIA BOECHAT / O tempo, a conduta correta e a persistência < voltar  
O tempo, a conduta correta e a persistência
Cláudia Boechat
  Cuidado! Você pode estar pisando na cauda de um tigre... Muita calma nessa hora.  
Hoje vamos tratar de uma situação delicada. O I Ching nos fala, por meio do hexagrama chamado A Conduta, de como é complicado se relacionar com pessoas difíceis de lidar. Alguém está pisando na cauda de um tigre! Contudo, se o faz com gentileza – e não com arrogância – o tigre não se irritará.

Quando se está no começo de uma caminhada e se vai seguindo o seu destino de modo simples e independente, sem incomodar ninguém ou pretender alcançar de um pulo só o horizonte, tudo vai bem. Vai progredindo sossegadamente.

Porém, é preciso reconhecer suas próprias limitações. Se vai além de sua capacidade encontrará o infortúnio. Nem todo herói se dá bem no final. Lembre-se disso ao planejar nadar contra a maré.

De fato, há perigo e a necessidade de enfrentá-lo. Essa situação arriscada não acabará rapidamente, mas como quem a enfrenta está bastante consciente do que faz, tem sucesso.

O recomendado é manter a conduta correta e, assim, vencendo obstáculos e perigos, colherá os frutos de seu empenho: será muito bem sucedido. Nunca se esqueça de que as conseqüências de suas ações determinam seu futuro.


Um segundo hexagrama surge para nos fazer pensar mais um pouco sobre o desenrolar de uma situação como a que A Conduta e suas linhas móveis descreveram acima. O nome desse segundo hexagrama é Duração ou A Longa Espera. Ele nos fala de alguém que conquista algo que vai durar muito. Está de acordo com o tempo, com o destino. Mas é preciso ter convicção do que realmente quer e persistir no caminho que escolheu.

Contudo, como a vida é feita de ciclos e mudanças, deve-se compreender que, às vezes, é necessário estar aberto a situações novas. Isto não significa mudar de objetivo ou estar diante de uma ameaça aos seus propósitos. É apenas renovação. Talvez se deva encontrar um novo objetivo. É bom a gente estar de olho nas mudanças a nossa volta e olhar sem preconceito. As coisas vão ficar bem.


Você está pronto para pisar com delicadeza na cauda do tigre, reconhecer suas limitações, enfrentar dificuldades sem ansiedade e esperar o tempo certo para alcançar seu objetivo? E uma mudança de rumos sempre pode acontecer...
O que me diz?
 
19/06/2010 04:26:03

Comentários

maria - 25/06/2010 07:06:52
E x c e l e n t e !!! Parabéns. Em muitos sites extrangeiros, domino Francês, Alemão ,Inglês e Espanhol - sou prof. nestes 4 Idiomas - não encontrei idéias tão suscintas e claras.Parabéns, continue assim. Também curto imensamente o Tarot como auto-conhecimento!

Jobama - 25/06/2010 18:16:02
Concordo com voce quando diz: "Nem todo herói se dá bem no final".
Acredito que as coisas acontecem porque tem que acontencer, as vezes aquela situação no final não foi bem para a pessoa refletir e soltar no ar, porque nem sempre tem uma explicação de imediato.O melhor mesmo é trabalhar a "ansiedade" e confiar mais no tempo.
Gostei muito deste texto para reflexão.
Um abraço amiga do bem.
Jô.

Cláudia Boechat - 25/06/2010 21:07:21
Obrigada Maria! Obrigada Jô! Eu penso que não adianta a gente ficar apenas tratando dos conceitos folosóficos e simbólicos dos oráculos. A gente tem que tentar trazê-los para a 'vida real', por assim dizer. Eles tratam de questionamentos, de um modo geral, comuns a todos nós. Por isso, costumo dizer que são ótimos conselheiros e psicanalistas. Rsss... Tento usar a linguagem mais simples possível, porque acho que a vida já tem complicações demais!

  Total: 3  
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2020 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil