Home page

23 de maio de 2019

Responsável: Constantino K. Riemma


  O TARÔ / O que é o Tarô / por Valéria Fernandes < voltar  
O que é o Tarô
 
Valéria Fernandes
 
 
    O Tarô é um baralho cuja origem é discutida até hoje, entretanto os primeiros registros impressos deste oráculo remetem à Europa do século 14. É constituído de 78 cartas e dividido em dois grupos diferentes: um grupo de 22 Arcanos Maiores e outro de 56 Arcanos Menores. A palavra arcano significa “segredo, oculto”, sugerindo assim, que desvendemos os mistérios de cada um ao interpretarmos em seus diversos usos.
    O conjunto dos 22 Arcanos Maiores é constituído por 21 cartas numeradas (arcanos), mais uma carta sem número. A partir da criação dos Tarôs Modernos esta carta sem número passou a ter a numeração 0 ou 22, de acordo com seus criadores e/ou adaptadores.
    Cada arcano, começando pelo número 1, passa por estágios de evolução de um para outro e são completamente distintos em suas particularidades, tanto no que se refere às imagens quanto em suas significações. A alteração desta seqüência e da simbologia que os caracteriza pode ser a negação um legado que vem de longe, e é bom estarmos atentos para evitar deturpações.
 
Cartas do Tarot
Arcanos maiores e menores do Tarot
www.carolyneborel.com
 
    Este grupo também recebeu a denominação de Trunfo, sugerindo uma importância maior em relação ao outro. Julgo, porém, que não há grupo melhor que o outro, apenas têm natureza diferenciada e se completam mutuamente.
    O grupo dos 56 Arcanos Menores é subdividido em quatro grupos ou por quatro naipes, tal como um baralho comum para fins lúdicos. Os naipes são: Espadas, Copas, Ouros e Paus. Cada um dos naipes contém 14 cartas: de 1 a 10 ou de Ás a Dez; e as figuras da corte representadas por um Rei, uma Rainha ou Dama, um Cavaleiro e um Valete ou Pajem. A variação de títulos é comum e não mexe com as características das figuras.
    
 
Valete de Paus no Tarot de Mitelli (1665)    Cavaleiro de Ouros no Tarot de Mitelli (1665)    Dama de Espadas no Tarot de Mitelli (1665)    Rei de Copas no Tarot de Mitelli (1665)
Arcanos Menores no Tarô de Giuseppe Maria Mitelli (Bologna, Itália) de 1665
www.trionfi.com
 
    
    Há pessoas que optam em trabalhar somente com os Arcanos Maiores e isto pode ser feito sem nenhum problema, porém, o conjunto de 78 cartas fornece mais precisão e torna a leitura muito mais rica. Para a prática deste jogo oracular não há regras impostas para que sejam usadas 22, 56 ou 78 cartas; os vínculos com quem o manuseia vão gradativamente se formando, permitindo a cada dia que passa, optarmos pelos métodos e quantidade de cartas que melhor nos identifiquemos, porém é menos comum fazer tiragens apenas com Arcanos Menores.  
    Existe uma confusão bem habitual sobre a diferença entre Tarô e Baralho Cigano, que aproveito para esclarecer através de um pergunta muito recorrente das pessoas que me procuram: “você usa o Tarô Cigano?” Não existe propriamente um Tarô Cigano, e sim tarôs que levantem esta temática. Para ser considerado tarô o conjunto das cartas, como falei anteriormente deve obedecer à estrutura de 78 lâminas, a exemplo do Tarot Lenormand de Ernest Fitzpatrick e o The Buckland Romani Tarot de Raymond Buckland com motivos ciganos. Os baralhos com 36 cartas, 46 e afins com simbolismos ou simplesmente com desenhos que lembrem os ciganos não são tarôs, são baralhos que em princípio foram inspirados no famoso Petit Lenormand, e com a “modernidade” ganharam “cara nova”. O mesmo vale para baralho com outros temas.
    Nenhum de nós pode impedir que alguém crie um baralho e denomine-o de Tarô, mas podemos no informar através de pesquisas e estudos. Sugiro o Clube do Tarô como fonte de investigação do tema. 
    
novembro.08
Contato com a autora:
Valéria Fernandes - www.taroetaro.blogspot.com
Outros trabalhos seus no Clube do Tarô: Autores
O TARÔ / O que é o Tarô / por Valéria Fernandes < voltar  
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2019 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil