Home page

21 de abril de 2019

Responsável: Constantino K. Riemma


O Naipe de Copas
Betoh Simonsen
 
 
O presente texto resultou da apresentação feita por Beth Simonsen na
Jornada com os Arcanos Menores, realizada no segundo semestre de 2010. 
O trabalho de transcrição e de redação ficou a cargo de Ivana Mihanovich.
 
 
Para poder falar do naipe de Copas, antes é importante passar algumas bases do sistema que criei e utilizo, para uma melhor compreensão das correlações que faço. Essas bases estão fundamentadas em conhecimento muito antigo, fazendo parte também, portanto, dos estudos iniciais da Astrologia. A tabela abaixo é uma forma de facilitar a absorção desses conceitos essenciais, antes de aplicá-los ou de sobrepô-los aos conceitos referentes aos naipes dos arcanos menores.
Basicamente, o que percebi foi uma associação natural de cada carta ao conjunto de sentidos e expressões dos elementos, estados e ritmos de cada signo. Considerando que Aquário e Peixes são signos de síntese e contém em si um pouco de cada um dos outros signos, temos os dez signos restantes: Áries, Touro, Gêmeos, Câncer e assim por diante, até Capricórnio.
Quadro resumo das qualidades

Signo

Sentido

Elemento

Ritmo, a busca
ou expressão
...

...tonalizando-se
através do elemento

Nº da
carta

Áries

Impulso

Fogo
Movimento
expansão
Ação

Cardeal
Ação

Impulso,
início,
ação

1
ou
Ás

Touro

O Sensorial
e o
Ter

Terra
Retenção,
concretização
sensação

Fixo
Busca de
segurança

A segurança e o
conforto materiais,
sensoriais

2

Gemeos

Pensamento
Intelecto

Ar
Permeabilidade
Liberação
pensamento

Mutável
Busca de
conhecimento

Busca de adquirir
e comunicar
conhecimento

3

Cancer

Sentimento
Emoção

Água
Acolhimento
flexibilidade
emoção

Cardeal
Ação

Ação emocional,
proteção

4

Leão

Ego
orgulho
ou Ser

Fogo
Movimento
Expansão
ação

Fixo
Busca de
segurança

Segurança
via imposição ou
expressão do ego

5

Virgem

Planejar
escolher

Terra
Retenção
concretização
sensação

Mutável
Busca de
conhecimento

Busca do
conhecimento
através do concreto,
do palpável

6

Libra

Conectar
relacionar

Ar
Permeabilidade
liberação
pensamento

Cardeal
Ação

Ações e conexões
mentais, relações,
associações

7

Escorpião

Transformação
troca de
energia

Água
Acolhimento
flexibilidade
emoção

Fixo
Busca de
segurança

Segurança através da
troca energética

8

Sagitário

Objetivos
alcançar
"o centro
da galáxia"

Fogo
Movimento
Expansão
ação

Mutável
Busca de
conhecimento

Busca de si mesmo
através dos objetivos

9

Capricórnio

Poder
pessoal
,
realização

Terra
Retenção
concretização
sensação

Cardeal
Ação

Ação/expressão do
poder pessoal, da
realização, controle

10

Cada signo está relacionado a um dos elementos e seus estados correspondentes Fogo (quente e seco), Terra (fria e seca), Ar (quente e úmido) e Água (fria e úmida), como também ao que chamamos de "ritmo", que apresenta-se em três variações: Cardeal, Fixo e Mutável. (Obs: na tabela acima não constam esses estados, para não estendê-la demais)
Fundamentalmente, o Fogo é expansivo e representa a ação ou a vontade, a Terra é retentora e remete-se à sensação, concretização ou posse, o Ar é liberador e refere-se ao mental ou intelecto e a Água é permeável, acolhedora e é quem fala das emoções e dos sentimentos. Por sua vez, cada ritmo refere-se ao tom que permeia sua busca ou expressão. Assim, Cardeal refere-se ao que aplica a ação na busca de si mesmo, Fixo é a busca de segurança ou estabilização e Mutável é a busca de conhecimento.
Os naipes estão também relacionados aos elementos, sendo que Paus é associado ao Fogo ou ação/vontade, Ouros à Terra ou concretização/sensação, Espadas ao Ar ou mental/comunicação e Copas, nosso objeto de estudo aqui, à Água, ou ao emocional e às empatias ou identificações.
Sempre lembrando que o elemento do naipe predomina sobre o da carta, é importante dizer há uma hierarquia entre os naipes, considerando-se se estão mais ou menos sintonizados de acordo ao quanto a carta tem o mesmo elemento do naipe ou um que a ele se contrapõe em maior ou menor grau (para maiores detalhes a respeito das hierarquias, veja Apresentação dos arcanos menores: Os quatro elementos.
Assim, por exemplo, um 5 de Copas é Leão (5), que é originalmente fogo, mas que é "domado" ou tem a potência diminuída pelo emocional da água de Copas. Desse modo, a sua natural busca de segurança via expressão do ego ou do ser, torna-se a dúvida sobre a própria capacidade ou o momento do ego/orgulho ferido, magoado.
Mas vejamos pela ordem:
As cartas de Copas de 1 a 10
O Ás ou 1 é a ação ou impulso. Em Copas, é a ação emocional da unidade, isto é, interiorizada. Portanto é o momento do isolamento ou da busca de unidade interior.
O 2 é a segurança material, que em copas é material/emocional, isto é, trata-se de ter o outro, de estar junto.
O 3 é a busca ou divulgação de conhecimento, mas afetado pela água de Copas é receber um dado (conhecimento, dúvida ou informação) que abala ou afeta o emocional.
Ás de Copas no Tarô de Oswald Wirth Dois de Copas no Tarô de Oswald Wirth Três de Copas no Tarô de Oswald Wirth Quatro de Copas no Tarô de Oswald Wirth Cinco de Copas no Tarô de Oswald Wirth
Ás, Dois, Três, Quatro e Cinco de Copas
Reproduções do Tarô de Oswald Wirth, publicado pela U.S.Games
O 4 é a ação emocional e, amplificado pela água de Copas, torna-se o acolhimento emocional, por exemplo, a família.
O 5, como vimos antes, é a dúvida sobre a própria capacidade ou o orgulho ferido.
O 6 é a busca de conhecer através do material, do palpável, e aqui em Copas torna-se o material que se escolhe pelo gosto pessoal, pela simpatia ou preferências.
O 7 é a ação mental, que, em Copas, se dá via emocional, então há uma flexibilidade emocional, mas que por outro lado apresenta a necessidade de discernir entre a multiplicidade de sentimentos/pensamentos.
Seis de Copas no Tarô de Oswald Wirth Sete de Copas no Tarô de Oswald Wirth Oito de Copas no Tarô de Oswald Wirth Nove de Copas no Tarô de Oswald Wirth Dez de Copas no Tarô de Oswald Wirth
Seis, Sete, Oito, Nove e Dez de Copas
Reproduções do Tarô de Oswald Wirth, publicado pela U.S.Games
O 8 é a busca de segurança através da energia que evoca o emocional, ou do envolvimento e da troca com o outro. Sendo o elemento do signo, mostra a possibilidade de uma troca de energia de alta qualidade.
O 9 é a busca de si mesmo através de uma ação emocional, por exemplo, lidar com a psique através das meditações para a reavaliação dos objetivos ou das situações.
O 10 é a ação material, a realização propriamente dita, que, em Copas, associa-se aos sentimentos, revelando, por exemplo, a celebração por algo realizado.
Agora vejamos as chamadas Cartas da Corte:
As cartas da Corte no naipe de Copas
Os Reis são associados ao elemento Fogo e falam de ação e poder. Em Copas, trata-se do magnetismo pessoal, do poder dos sentimentos, da emanação de simpatia ou carisma.
As Rainhas estão associadas ao elemento Água e referem-se à força das emoções, bem como, naturalmente, às expressões do feminino. Em Copas, a Rainha remete-nos à compaixão, ao acolhimento, à capacidade de perdão, à compreensão do outro.
Rei de Copas no Tarô de Oswald Wirth Rainha de Copas no Tarô de Oswald Wirth Cavaleiro de Copas no Tarô de Oswald Wirth Valete de Copas no Tarô de Oswald Wirth
Rei, Rainha, Cavaleiro e Pajem de Copas
Reproduções do Tarô de Oswald Wirth, publicado pela U.S.Games
Os Cavaleiros estão associados ao elemento Ar e representam a liberdade, o dinamismo, a autonomia e a comunicação. Em Copas, ele falará do amor descompromissado, da liberdade e autonomia no campo afetivo.
Os Pajens estão associados ao elemento Terra e falam de trabalho, empenho, pragmatismo e dedicação. Em Copas, o Pajem refere-se ao empenho ou esforço por uma causa que é de seu gosto pessoal ou então que é do gosto de alguém que é o objeto de seu afeto.
março.12
Contato com o autor:
Betoh Simonsen - betohsimonsen@uol.com.br
Outros trabalhos seus no Clube do Tarô: Autores
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2019 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil