Home page

15 de dezembro de 2018

Responsável: Constantino K. Riemma


Qual é a melhor carta do tarô?
Valéria Fernandes
 
Desde que me entendo como taróloga e professora de tarô, é recorrente ouvir a pergunta dita por alunos, consulentes e curiosos: “Qual é a melhor carta do tarô?”. Alguns apressados não titubeiam em dizer: “A carta O Mundo é a melhor!”, ou então falam algo como: “Quando A Estrela aparece já sei que vem coisas boas por aí!”. Em contraponto, os arcanos O Enforcado, A Morte, O Diabo e A Torre são os mais temidos como sinalizações de mau agouro. Mas será que esse não é um julgamento deveras precipitado independente da carta em pauta? Vale repensar!
O Mundo no Old Path Tarot
XXI. O Mundo
Old Path Tarot
 
É certo que muitas das lâminas do tarô têm verdadeiramente um caráter positivo ou negativo apresentado através da figura logo de imediato, uma vez que a iconografia é a essência primeira dos arcanos. Apesar disso, há que se considerar que os significados simbólicos são passíveis de interpretações usuais que não necessariamente acordam com o fatalismo da gravura.
Tomando o arcano O Mundo como exemplo, que simbolicamente representa o triunfo, a glória, as finalizações bem sucedidas, vê-se que na cartomancia usual esta lâmina pode representar traição, dispersão, negligência com o meio ambiente entre tantas outras decodificações negativas. A carta A Estrela segue a mesma linha de raciocínio: simbolicamente alude ao norte, à esperança, à plenitude, ao idealismo, ainda que em suas interpretações usuais na cartomancia possam representar falta de senso prático, leviandade, despudor, infantilidade, romantismo exacerbado, formando uma cota expressiva de imagens reversas às simbologias iniciais do deste arcano.
Por outro lado, os arcanos tidos como negativos são passíveis de leitura indiscutivelmente otimista: a lâmina O Enforcado pode representar busca espiritual, filantropia, visão privilegiada; A Morte pode ser interpretada como desprendimento das coisas supérfluas, novas perspectivas, lucidez mental; O Diabo pode ser lido como
prazer, eloquência, dinheiro; enquanto A Torre emite sólidos argumentos de libertação, de conhecimento súbito e até mesmo de parto
Diante das evidências de que uma carta de tarô é capaz de gerar os mais variados antagonismos, o melhor seria avaliar o caráter positivo ou negativo de um arcano por vias mais ponderadas, a começar lembrando que as cartas nem sempre tendem para melhor ou pior, apenas dão os seus recados, cabendo a quem interessa interpretá-las de maneira apropriada, dentro de um contexto.
Outra vez utilizo O Mundo como ilustração: quando este arcano aparece revelando orgasmo, somente às circunstâncias poderão apontar se é de fato o ápice do prazer ou se há a necessidade dele. Não raro, esta carta assinala a ausência de plenitude no ato de uma relação sexual, mas para chegar a esta conclusão é preciso um conjunto de argumentos que validem tal idéia, como a análise das outras cartas em jogo, suas respectivas posições dentro da tiragem e o respaldo de quem consulta o tarô.
Há também um outro fato relevante: o que é considerado positivo para uns, pode não ser para outros. A carta A Estrela pode surgir mostrando que um determinado consulente tem esperança em reaver algo, enquanto este mesmo consulente deseja tão somente concretude, fatos, não bálsamo para acalentar sua alma. Sendo assim, a confiança que esta lâmina assinala, conhecida como uma característica tipicamente positiva, torna-se inviável neste momento. Também deve ser considerada a visão particular de cada indivíduo, o que julgam como bom ou ruim. Existem aqueles que acreditam que é bom ter fé, ter esperança, outros preferem ver para crer e não confiar no que ainda estar por vir, como prediz a carta A Estrela. 
 
O Pendurado no Old Path Tarot
XII. O Pendurado
The Victorian Romantic Tarot
As discussões em relação a qual seria a melhor carta do tarô são extensas, e um único texto é limitador para expressar as diversas facetas do assunto, mas cabe nesta pequena reflexão chamar atenção para o quesito aprendizado.
Quando o intérprete compreende um arcano em sua profundidade, seja maior ou menor, a lâmina em questão passa a ser apreciada como sendo a melhor carta do tarô pelo seu grau elucidativo - de certo modo desagregada das simbologias primeiras que esta possa apresentar ou de suas características positivas e negativas empregadas na cartomancia usual.
outubro.11

Contato com a autora:
Valéria Fernandes - www.taroetaro.blogspot.com
Outros trabalhos seus no Clube do Tarô: Autores

 
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2018 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil