Home page

22 de abril de 2019

Responsável: Constantino K. Riemma


O que esperar de 2017 ?
Lima Filho
 
“Minha abordagem não é a de se rejeitar alguma coisa, mas de usá-la.
Minha compreensão é esta: o que quer que lhe seja dado, é precioso.”
Osho
 
Com a soma dos numerais do ano (2+0+1+7 = 10) temos como arcano regente a Roda da Fortuna, que vem nos pedir para lidar com os inícios e fins de ciclos, tendo em vista que “Isso também passa”. É o arcano da instabilidade, da transitoriedade, que nos ensina agarrar o que de bom nos dá o Universo e a tentar extrair o que mais se possa de positivo das situações negativas.
Pela numerologia é um ano de recomeços. Finalizamos um ciclo de nove anos em 2016 e teremos a oportunidade de iniciar um novo ano em 2017. Como esse procedimento de soma dos algarismos do ano é muito redutor, fizemos uma tiragem mais ampla para anunciar o que podemos esperar de 2017, em diversos sítios.
O método utilizado foi o da Mandala. Incluímos uma tiragem de três arcanos menores para abrir a leitura. O tarot utilizado foi o Rider-Waite, com arcanos maiores e menores misturados.
Cartas de abertura
As cartas do corte (Pajem de Ouros, Rei de Paus e Ás de Copas) falam de uma energia de ação, de empenho, de trabalho, de vigor, de uma necessidade de se correr atrás das oportunidades, por menores que sejam, e agarrá-las. De nutrir-se, de modo amplo, dos melhores sentimentos, da felicidade – e não agir com excessos, pois transbordar é perder o controle; tudo deve ser pensado antes de ser feito.
Cartas de abertura
Cartas de Abertura
O ano de 2017 terá uma energia protetora, forte, familiar, como se fora um período onde devemos nos dispor a reavaliar, refazer, ressignificar, recomeçar as nossas relações a partir do nosso próprio lar, da nossa família, do berço em que está deitado nosso eu.
A Mandala
COMPORTAMENTO (Três de Ouros - O Louco) – É a busca por novas oportunidades, por reconhecimento, onde as pessoas estarão dando mais vazão aos seus dons natos, artísticos, e isso pode incluir até inovações, coisas que possam influir e auxiliar no cotidiano. É um período em que as pessoas se arriscarão mais em busca de seus sonhos. O alerta fica para que não nos deixemos ser inconsequentes e também não nos exijamos em excesso, ao ponto de nos desgastarmos ou mesmo desistirmos de nós mesmos.
Cartas do Waite Tarot
Três de Ouros e o Louco.     Três de Paus e A Estrela.
FINANÇAS (Três de Paus - A Estrela) – É uma fase que nos exigirá vigor e determinação para, trilhando o caminho correto, não nos entreguemos tão facilmente ao cansaço e a estagnação e continuemos a batalha na busca pela prosperidade. Precisaremos ser humildes e benevolentes, pois, além de haver a necessidade de ajudar, também necessitaremos ser ajudados. Mais uma vez os arcanos apontam: é o ano de se valorizar e acreditar nos próprios projetos como forma genuína de criar prosperidade.
COMUNICAÇÃO (Cinco de Ouros - Seis de Ouros) – O ano pede comunicação equilibrada, sem que nos façamos de vítimas circunstanciais. A forma de si lidar com os outros, de se expressar, pede cautela, uma vez que discussões mais acaloradas e cheias de si, feitas e pautadas em opiniões que mais se valem do ego que da alma, podem ser prejudiciais e, dentro de um momento que deveria ser de ajuda, acabar sendo um peso a mais a se carregar.
Cartas do Waite Tarot
Cinco de Ouros e Seis de Ouros.     Sete de Ouros e Rei de Espadas
PASSADO (Sete de Ouros - Rei de Espadas) – O cansaço, a barbárie, a tirania, a crueldade que tanto incomodaram em 2016 podem influenciar nos sentimentos em 2017. O alerta aqui é que se atenha ao que ainda se tem e às novas possibilidades e se enfrente o ano novo de cabeça erguida e pronto para, metaforicamente, refazer a plantação assolada pela praga.
SENTIMENTAL (Seis de Copas - Sete de Paus) – A nível de amor, muitas pessoas se verão reflexivas e nostálgicas, marcadas pelas lembranças, boas ou ruins. Mas, de forma ampla, será um período de poucos agrados na área e de muita luta para defender o próprio território e os próprios sentimentos das investidas alheias. É um período que pede isso.
Cartas do Waite Tarot
Seis de Copas e Sete de Paus.     A Força e A Justiça.
TRABALHO (A Força - A Justiça) – É preciso garra como procedimento para conquistas. É um ano que pede ações rápidas, equilibradas e até mesmo frias. Estará em voga a luta e a proteção para conquistar ou manter, no entanto, a espada que corta e separa alerta um possível castigo: “Colhemos o que plantamos”.
RELACIONAMENTOS (Pajem de Espadas - O Mago) – Aqui se fala de todos aqueles com quem se relaciona. Cuidado com as pessoas inconsequentes, incoerentes e mandonas, àquelas que querem ser donas da razão e colocar todos como seus submissos. Cuidado você próprio para não exercer tais defeitos com os outros. Todavia, está favorecido o surgimento de novas e frágeis, porém produtivas, amizades.
Cartas do Waie Tarot
Pajem de Espadas e o Mago.     Cinco de Copas e Dois de Paus.
PSIQUE (Cinco de Copas - Dois de Paus) – Estará em voga a desilusão, pelos motivos que vimos na casa 4, do passado, e o alerta que foi feito lá se mantém aqui: não é momento de chorar pelo que se perdeu, mas sim de parar e observar aquilo que se tem nas mãos e, olhando para o horizonte, somando forças e conhecimentos inerentes a si próprio, trilhar novas fronteiras. Será fácil? Jamais. Entretanto, só se conquista aquilo pelo que se luta.
ESTUDOS E VIAGENS (O Carro - Oito de Espadas) – É hora de correr atrás, de trabalhar, de se empenhar. Devemos nos aprimorar e especializar em nossas áreas afins. Aproveite para fazer pequenas viagens. Não se aprisione a possibilidades ínfimas, quase inexistentes. Não seja seu próprio carrasco. Não se encarcere àquilo que não vale à pena, àquilo que não é pra você. Acredite em seus sonhos e batalhe por eles.
Cartas do Waite Tarot
O Carro e o Oito de Espadas.     O Nove de Copas e o Cinco de Paus.
CARREIRA (Nove de Copas - Cinco de Paus) – Aliada à casa 6, do trabalho, esta casa fala que, para crescer, em 2017, saiba trabalhar em equipe, propor discussões, diálogos, mas sem brigas, uma vez que a casa 3, da comunicação, já nos adverte para possíveis desentendimentos por ações impensadas e desequilibradas. O ano que se iniciará pede que se busque ajuda externa para levar adiante às conquistas.
AMIZADES (Rei de Copas - Quatro de Paus) – Pode-se contar com amigos mais velhos, com mais experiência de vida, pessoas mais calmas e doces, equilibradas, àquelas com as quais sempre podemos nos aconselhar e aninhar nossos sentimentos quando demasiados assustadores. Tais amigos podem nos ajudar dentro das nossas conquistas.
Cartas do Waite Tarot
Rei de Copas e Quatro de Paus.     Cavaleiro de Espadas e Pajem de Paus
CONSELHOS (Cavaleiro de Espadas - Pajem de Paus) – Corra atrás do que deseja, mas não seja inconsequente, não faça as coisas por impulso. Seja leal, fiel, companheiro com você e com os outros. Não seja seu próprio obstáculo. Saiba se permitir iniciar novos projetos. E, o mais interessante: Seja importante para o mundo!
Cartas do Waite Tarot
MOMENTO DE VIDA (Ás de Paus - Nove de Espadas) – 2017 não será fácil. Ainda carregaremos muito conosco de 2016. Mas será um tempo de refazer o que o gafanhoto tem comido. Seja firme e forte, saiba transformar os pesadelos e perturbações em oportunidades. Faça disso a gênese de sua “nova” existência. Seja maleável e creia em você.
Francisco Lima Filho atende à distância e por e-mail
www.facebook.com/lenormandterapeutico
Veja também : www.youtube.com/watch?v=0yU1Cn3K3Bk
Edição: CKR – dez.2016
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2019 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil