Home page

17 de fevereiro de 2019

Responsável: Constantino K. Riemma


Quando a fé fala mais alto
Mirta Herrera Camerini
Fé, palavra maravilhosa que impulsiona, que da alegria, que inspira esperança no pensar, no sentir, no olhar.
Cada xícara de café traz seus sonhos, lembranças e desafios. Uma energia especial que pode ser trabalhada, direcionada, aquecida dentro do coração para que ganhe força. Para nós, cafeomantes ou cafeomancistas,decifrar as imagens simbólicas, os cafeogramas, é trazer para o consciente de cada pessoa situações, aspectos da personalidade ou energias que precisam nesse momento presente serem trabalhados, potencializados ou modificados pois ao final, cada um de nós é artífice do próprio destino. Tudo está escrito? Sim, tudo está escrito. Mas ninguém tem o mapa da vida! A vida é vivida cotidianamente em todas as suas fases e com todas as suas nuances. Se alguém lhe diz: será feliz e tudo se resolverá como você quer! Claro que assim será! Mas desde que você, meu leitor, faça a sua parte. Se você senta e espera e não muda o que deve ser mudado interior e externamente, muitas coisas podem não ser concretizadas ou virão de forma muito lenta.
Quando olhamos uma xícara de café com a sua borra são infinitos seus símbolos desenhados e suas combinações. A maioria das vezes muitos bloques de borra aparecem marcando situações os aspectos que trazem obstáculos e que devem ser trabalhados pacientemente. Mas quando tudo se apresenta mais claro, o caminho está livre e a energia positiva ao redor do símbolo desenhado, o fortalece e enaltece o seu significado.
A imagem a seguir é uma das mais sublimes e comovedoras que já vi numa xícara de café: uma pessoa, um jovem, de joelhos, reza, ora com suas mãos ao alto num ato de devoção, súplica e ante todo, de fé. É como se a própria imagem, que vem do inconsciente do jovem, dissesse: "Deus, olha para mim, eu estou aqui e acredito que você me escuta" Esse jovem pede, levanta a sua cabeça e as suas mãos para os céus porque acredita e sabe muito bem que a sua fé movimentará o que ele precisa.
Lietura da borra de café
Leitura Borra de café
Foto da autora, Mirta Herrera Camerini
Se observamos ao seu redor, quantas estrelas!!! Elas são aqueles pontos espalhados que você pode ver na imagem. Pontos num firmamento claro, pontos que iluminam uma oração... Vendo este cafeograma, veio na minha mente o ano que logo, logo estará se iniciando: 2017.
Se somarmos cada número, obteremos uma vibração (que será universal), de energia de ano 1 que vem de um 10. O que significa isto? Mudanças, câmbios que trazem algo novo. E como precisamos esses câmbios neste momento onde tudo está parecendo um caos! Devemos estar no nosso eixo, este é o desafio da vibração 10, que no tarô é a Roda da Fortuna, para acompanhar essas mudanças, para estar abertos a essas mudanças e para mudar o que seja necessário. Devemos vibrar o nosso Mago interior, número 1, que nos chama a observar o que nos oferece o mundo, o que nos oferece a vida para que possamos criar e começar a ser os artífices do nosso destino e assim continuar o caminho da nossa verdade e reestruturação, perdoando nossos erros e perdoando os erros alheios e sobretudo trabalhando nossos conceitos e preconceitos, desafios que há muito tempo o mundo todo está enfrentando (20, O Julgamento).
A imagem no café trouxe a vibração da Estrela, lâmina 17 do tarô: ano que se inicia, 2017!
A Estrela nos indica um caminho, assim como foi o ponto central no mapa que seguiram os Reis Magos para chegar a Belém e oferecer ao menino Jesus o melhor que eles tinham: mirra, incenso e ouro. Com estes elementos defumamos nossas casas, o ouro, somos nós mesmos! Ricos em sentimentos bons e com luz própria, o que deve prevalecer para sermos melhores seres humanos a cada dia, mas, nos falta ainda mais trabalhar essa consciência de sermos melhores humanos...
A Estrela no Shadows Scape Tarot
A carta da Estrela no Shadows Scape Tarot
Se observarmos novamente a xícara de café, o jovem está rezando lá no alto, ajoelhado no que parece ser uma torre. Há uma estrutura embaixo do nosso jovem, sustentada ou segurada por outra pessoa que pode ser ele mesmo, a sua mãe, o seu pai, o seu irmão, o seu amigo ou o seu espelho, a própria força que o segura para não ser "derrubado da Torre".
Seja quem for ou o que for, há uma sustentação importante e ele não cai nem irá cair! A torre neste caso tem dois simbolismos associados, respetivamente, ao baralho cigano e ao tarô. No baralho cigano simboliza a introspecção, o olhar desde o alto o todo para refletir, entre outras coisas, que lugar se ocupa na vida, qué deve ser mudado interiormente ou qué está mudando que nos deixa mais silenciosos. Do alto de uma torre se enxerga o horizonte e se recupera a esperança. Mas, por outro lado, a Torre do tarô traz aquela chacoalhada que mexe de forma brusca, que desestrutura e nos obriga a buscar forças as vezes de onde a gente não tem.
Me lembrei deste ano de 2016, 16: A Torre, e como ela pegou a muitos! Quanta desestrutura a nível mundial! Quantos padrões pré-estabelecidos já mudando e quantos ainda deverão ser quebrados! A Torre fragiliza emocionalmente, às vezes até sangrar…mas é na dor que a gente aprende, é no "apanhar" que a gente vê o que está errado. Mas nossas bases, nossa força, nossa essência, ninguém derruba!
É o caso da figura do nosso café! Nosso jovem pode se sentir chacoalhado, pode enxergar o mundo desde onde se colocou ou colocaram, mas ninguém poderá derrubar a sua fé e esperança, ninguém poderá tirar os seus sonhos, a sua vontade de crescer, de ser feliz, de ter seu mundo e um mundo melhor!
Fazia muito tempo que não escrevia, por falta de tempo ou pelo que for, mas não podia deixar de compartilhar esta imagem e tudo o que ela simboliza e o que ela me traz particularmente. FÉ, ESPERANÇA, SONHOS, com letras bem maiúsculas! Porque assim está escrito, assim vibra nosso jovem, nossos jovens, nossas crianças e assim gostaria que permanecesse o mundo a pesar de tanta chacoalhada!
Convido a todos a sentir, a enxergar melhor, a interiorizar-se, a encontrar-se, sendo cada um seu próprio Rei Mago em busca da ESTRELA mais brilhante! Em busca, do seu próprio destino, desenhado como nas paredes de uma xícara de café: com FÉ!
Observação: a xícara de café, é de um garoto cheio de sonhos chamado Yago que tem 15 anos e no meio de situações dissonantes ao seu redor, permanece com força sustentado pela sua fé.
Mirta Herrera Camerini - dá aulas e atende
com tarot, runas e leitura da borra de café.
www.facebook.com/mirta.camerini
Outros trabalhos seus no Clube do Tarô: Autores
Edição: CKR – dez.2016
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2019 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil