Home page

16 de setembro de 2019

Responsável: Constantino K. Riemma


 


A Modéstia traz sucesso. O homem nobre
leva os empreendimentos até à conclusão.
O segredo está em reduzir os
excessos e preencher o que falta,
avaliar e distribuir as coisas com justiça.
 
15 - Modéstia


O oráculo

A Modéstia traz sucesso.
O homem nobre leva seus empreendimentos até o fim.

Interpretação

O caminho do céu é diminuir o que está cheio e aumentar o que se encontra vazio; o caminho da terra é transformar o que está pleno e ajudar o que é modesto a fluir suavemente. É da natureza do céu oferecer bênçãos e resplendor; é da natureza da terra ser humilde e trabalhar com afinco. Os deuses destroem os orgulhosos e fazem prosperar os humildes. De igual modo os homens rejeitam aqueles que estão cheios de si e amam os modestos.
A verdadeira humildade não consiste em se inferiorizar ou se humilhar, tampouco em desvalorizar nossos dons, mas em realizar a paz e o equilíbrio. Está muito próxima do sentido religioso de se reconhecer que somos todos iguais perante Deus.
"O destino segue leis imutáveis... Mas está ao alcance do homem modelar seu destino à medida que se coloca sob a influência de forças benéficas ou de destruição... O homem superior, desse modo, leva suas obras a um bom fim sem se vangloriar do que foi realizado" (Wilhelm).


O conselho estratégico

O homem nobre reduz o que está excessivo e aumenta o que está insuficiente.
Ele avalia e distribui as coisas pela justa medida.


Interpretação

O homem íntegro volta seu empenho para harmonizar as coisas que se encontram em seu âmbito de ação. Pondera cada fato e circunstância de modo a estabelecer uma equanimidade entre as partes. Trata-se de uma tarefa que exige sobriedade e disposição para servir ao bem comum, sem sobrepor sua pessoa. A imagem da modéstia encontra-se aqui no fato de fazer parecer natural e fácil aquilo que exigiu um longo trabalho.


consultar novamente

 
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2019 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil