Home page

12 de dezembro de 2019

Responsável: Constantino K. Riemma


 


Abundância. Sucesso!
O rei atinge a plenitude. Não fique
triste; seja como o sol ao meio-dia.
O segredo é decidir as questões
e aplicar as penalidades.
 
55 - A Abundância


O oráculo

Abundância. Sucesso!
O rei atinge a plenitude.
Não fique triste; seja como o sol ao meio-dia.

Interpretação

Trata-se de um período de abundância e todas as coisas estão favorecidas. Mas não é qualquer mortal que se encontra à altura de promover uma época de grandeza e prosperidade. Só um grande líder pode assumir a iniciativa e alcançar as metas que beneficiam toda a coletividade.
O oráculo também alerta para as leis da impermanência e da alternância das polaridades opostas. O ponto máximo da abundância e da acumulação de riquezas não pode ser mantido eternamente, e deve dar lugar à uma época de distribuição e partilha.
Só os homens sábios e valorosos são aptos para administrar as riquezas inteiramente livres de egoísmo e arrogância. Eles não temem a sucessão dos ciclos e nem se entristecem com a previsão de épocas de contenção; nos períodos de prosperidade e riqueza – seja material ou espiritual – já começam a repartir os bens entre todos os seres.
A maré alta e a maré baixa, o fluxo e o refluxo de tudo o que existe no céu ocorrem no momento apropriado. Grandes mudanças podem ocorrer entre os homens, e muito mais ainda em sua atividade espiritual.


O conselho estratégico

O homem nobre decide as questões legais e aplica as penalidades.

Interpretação

As leis e as normas estabelecidas devem ser aplicadas. Quando ocorrem infrações, o homem correto não protela suas decisões. Com clareza interior faz uma exata investigação dos fatos e, com firmeza, garante a justa aplicação das penalidades.


consultar novamente

 
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2019 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil