Home page

19 de novembro de 2017

Responsável: Constantino K. Riemma


  SIMBOLOGIA / Multidisciplinar / Ciências < voltar  
A mecânica quântica e os equívocos nos paralelos
  Constantino K. Riemma  
As revelações e os ensinamentos sobre as relações entre o mundo físico e o mundo espiritual é um tema central e milenar para a humanindade. Tradicionalmente, há uma bem definida hierarquia entre o espiritual e o material. Do mesmo modo, na visão cristã, não existem dúvidas a respeito da abrangência do espírito em relação à alma e, desta, em relação ao corpo físico. Na modernidade, contudo, pratica-se uma inversão de sentido nas relações entre o mundo sutil e o físico, entre o espírito e o corpo.
Essa nova disposição consumada no correr dos últimos séculos nos torna, hoje, portadores de uma atitude que busca no plano material as explicações e justificativas para o cada vez mais afastado plano espiritual. Isso não é razão para qualquer forma de indignação pessoal, já que esse quadro final da Idade de Ferro ou Kali-Yuga está previsto há milhares de anos. O que a tradição Shivaita descreve, com detalhes surpreendentes, para essa época sombria pode ser lido na Internet, em espanhol: www.terra.es/personal/javierou/kylp.htm
Quantum
www.quantum-physics.com
 
Numa linguagem mais direta para a nossa cultura, René Guénon toca em sua obra o mesmo ponto crucial. Está disponível na Biblioteca Digital uma tradução de Bete Torii de A Crise do Mundo Moderno, que pode ser baixada ou lida online.
Na Árvore da Vida, da Cabala, estão representados inúmeros nexos possíveis entre as forças do Mais Alto e a manifestação física, a natureza, na qual o homem se inclui. Um dos sentidos da palavra "cabala" é "paralelo", o que indica a legitimidade das analogias entre os diferentes níveis do cosmo, pois eles se correspondem. Porém, igualmente nessa tradição é o plano sutil que explica o plano denso. A partir do ponto em que me encontro, posso me aproximar de níveis superiores, porém são apenas estes que dão o verdadeiro rumo.
Vale a pena ver o que diz o rabino Eyal Riess num documentário da Globo News: Conheça a Cabala - antiga e mística tradição judaica [trechos 03:15-08:40; 14:20-16:00 e 17:00-17:40].
“Façamos o homem à nossa imagem, como nossa semelhança” (Gênesis 1:26) é uma revelação partilhada por judeus, cristãos e islâmicos. Na visão tradicional é o Mais Alto que cria o homem e não vice-versa. Como na modernidade a existência de Deus não pode ser provada científicamente, ficamos diante das alternativas ou de deixar a ciência de lado em assuntos dessa natureza ou de depositarmos nas mãos dos "cientistas" a possibilidade de, num futuro indefinido, virmos a conhecer Deus!
O esoterismo quântico
O quadro que acabamos de esboçar foi a razão para realizarmos um programa de estudo utilizando, como exemplo, o que ocorre com a utilização simbólica da Física Quântica.
Esoterísmo Quântico? Foi esse o título dos encontros promovidos, em março de 2008, e dos quais participaram ainda Sérgio Cortizo e Rui Sá Silva Barros.
A exposição de Sérgio Cortizo, Mestre em Física pela USP, onde lecionou por 12 anos e obteve o título de Doutor em Filosofia, foi gravada com o propósito de futura divulgação. No entanto, defeitos no aparelho deixou de registrar o ponto central de sua apresentação. A questão só foi contornada quando Roberta Melega Cortizo, participante do evento, realizou uma entrevista com Sérgio para retomar os pontos principais. E o resultado está em Física quântica, ciência moderna, misticismo e a crise do mundo moderno
Rui Sá Silva Barros, Mestre em História Social, pela USP, com a tese Tomando o céu de assalto: esoterismo, ciência e sociedade, é astrólogo e pesquisador em Kaballa. Para compor o painel que agora estamos divulgando, preparou uma síntese sobre a confusão reinante: Salto quântico: as razões do desatino
Nesse meio tempo Abelard Gregorian, encaminhou suas críticas ao modo gratuito com o qual se aplica conceitos da física e da mecânica ao mundo espiritual: Botox quântico.
 
Yggdrasil
Yggdrasil, na tradição nórdica,
é a árvore do Eixo do Mundo
Para completar, no final de 2009, Rodrigo Araês e Alexey Dodsworth, dois estudiosos bem conhecidos no meio astrológico, trocaram comentários no grupo de discussão da CNA - Central Nacional de Astrologia sobre obras interdisciplinares entre Física e espiritualidade. Suas observações completam o painel: Alguns autores, por Rodrigo Araês, e Física quântica e espiritualidade, por Alexey Dodsworth.
março.10
Contato com o autor:
Constantino K. Riemma - constantino@clubedotaro.com.br
Outros trabalhos seus no Clube do Tarô: Autores
 
SIMBOLOGIA / Multidisciplinar / Ciências < voltar  
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2016 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil