Home page

19 de novembro de 2017

Responsável: Constantino K. Riemma


  APLICAÇÕES / Leituras & Previsões / Painéis temáticos < voltar  
  Aplicações: Adriana | Emanuel | Flávia | Gian | Jaime | Luna | Maysa | Ricardo | Titi | Valquíria  
  Posturas: Benedita | Denise | Falcão | Isabel | Kimon | Mara | Rodrigo  
Estrelinha, estrela minha...
  Luna Solis  
 
Estrelinha,
Estrela minha
Qual o dom que Deus lhe deu?
O da sorte em cada dia
E do sono eterno ao anoitecer.
 
Quem não se deixa levar pela imagem de pureza, conforto e delicadeza deste arcano, que só pelas estrelas nos deixa com saudades do paraíso perdido, nos dando uma boa dose de ânimo? Quando o assunto é saúde, a presença da Estrela, em seu lado luz, mostra que estamos bem neste quesito ou convalescentes, não estando descartada até mesmo uma cura miraculosa, pois “quem tem estrela” tem proteção e não morre pagão. Entretanto, como nem tudo são flores, este arcano pode também estar falando de doenças e até mesmo da morte, uma vez que simboliza a liberdade e se associa numericamente à casa 8 astrológica (17 = 1 + 7 = 8), sob a batuta de Plutão/Escorpião, casa das grandes transformações, entre elas o desligamento do plano físico. No Marseille, a morte está representada pelo pássaro negro (aves e borboletas são símbolos de libertação).
 
A Estrela no Tarot Pierpont-Morgan Visconti-Sforza   A Estrela no Tarot Cary Sheet   A Estrela no Tarot de Marselha-Camoin   I Tarocchi Classici
A Estrela (da esquerda para a direita) nos tarôs: (1) Pierpont-Morgan- Visconti-Sforza (1450),
(2) Carey Sheet (1550?), (3) Marselha-Camoin (1750) e no (4) Tarô Clássico (1835)
 
Algumas associações da Estrela:
  problemas dermatológicos e alergias. Quando associada ao arcano O Sol, pode indicar queimaduras.  
  fragilidade do sistema imunológico.  
  AIDS, câncer linfático, resfriados (a água vertida representa a circulação de líquidos e fluidos no organismo).
 
  inchaços em geral, mas principalmente nas pernas, pés e tornozelos, partes que se encontram em bastante evidência neste arcano (elefantíase, erisipela).  
  gravidez – A Estrela (17) tem o ventre volumoso e precede a Lua (18).  
  gravidez ectópica ou tubária (que acontece fora do útero, nas trompas de falópio). Semelhança entre o encaixe do braço da Estrela e a porção final da trompa de falópio que se liga ao ovário. Na carta do Tarô Cary-Yale, as trompas estão simbolizadas pelos dois tubos, à guisa de jarros, um dos quais a figura carrega em seus ombros.  
  distúrbios do sono: insônia, sonambulismo (por estar associada à noite e à Lua). No Camoin, a Estrela leva uma pequena meia-lua na fronte (dores de cabeça, enxaqueca).  
Útero e ovários
Ilustração de www.nlm.nih.gov
 
  distúrbios da tireóide (glândula endócrina em forma de borboleta). No Tarô de Marselha-Camoin, a Estrela mostra um corte à altura da garganta e no Tarô Clássico seus cabelos estão amarrados com uma fita, terminando em laço (borboleta).   Detalhe da Estrela Marselha-Camoin   Detalhe do lenço na Estrela do I Tarocchi Classici
 
  Problemas digestivos (flatulência) ou na porção final do intestino (no reto, evacuações líquidas).  
  A Estrela aprecia tratamentos com terapias alternativas e não gosta das coisas artificiais. Com ela é tudo natural!  
Detalhe da Estrela no Tarô Camoin
 
Quando encontrarmos esta bela figura, pensemos duas vezes antes de nos render ao seu apelo e beleza!  
maio.10
Contato com a autora:
Luna Solis - fadamadr21@gmail.com
Outros trabalhos seus no Clube do Tarô: Autores
 
Para conhecer outros tópicos do Painel sobre Saúde e as Cartas, clique nas opções abaixo:
  Aplicações: Adriana | Emanuel | Flávia | Gian | Jaime | Luna | Maysa | Ricardo | Titi | Valquíria  
  Posturas: Benedita | Denise | Falcão | Isabel | Kimon | Mara | Rodrigo  
APLICAÇÕES / Leituras & Previsões / Painéis temáticos < voltar  
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2016 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil