Home page

24 de maio de 2019

Responsável: Constantino K. Riemma


  Crônicas de 2013: dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | jan  
2014, a encruzilhada
Rui Sá Silva Barros
Historiador e Astrólogo
Urano começará a se afastar desfazendo a longa quadratura a Plutão. Júpiter e Saturno começam em trino e terminam o ano em quadratura. Marte começa em Libra, retrograda em março e fica direto em maio, penetra em Escorpião em julho, encontra Saturno no mês seguinte, em setembro está em Sagitário, outubro em Capricórnio com Plutão e termina o ano em Aquário. Em abril um grande quadrado no céu formado por Marte, Júpiter, Urano e Plutão no meio dos signos cardinais. Dois eclipses lunares totais ocorrerão em 2014: em 15/4 e 8/10. Será um ponto de inflexão na crise econômica: a saída ou novas turbulências sérias.
Na última crônica observei que a longa quadratura Urano/Plutão sinalizou um luta titânica pela distribuição de renda na economia mundial. Um gráfico elaborado pelo Credit Suisse Research mostra as quantas andamos:
Pirâmide econômica: riqueza global
Temos aí que 393 milhões de pessoas adultas detêm 83% da riqueza total, elas representam 8,4% da população, enquanto 3,2 bilhões de pessoas detêm 3% da riqueza, sendo 68% da população. Para manter tal estado de coisas são necessários regimes autoritários, ditatoriais ou mesmo tirânicos ao redor do mundo. A luta pela liberdade no Oriente Médio tem este pano de fundo, aonde um aumento no preço dos cereais pode desencadear uma insurreição. A crise agravou este quadro levando milhões de pessoas para a linha da pobreza, mesmo nos países ricos. Até agora Plutão levou vantagem.
As configurações acima rebaterão sobre os mapas natais de cada país. Nos EUA o grande quadrado de abril estimulará o Sol natal do país, evento este já notado e analisado pelo nosso colega e amigo Niso Viana. Os problemas fiscais e o teto da dívida foram adiados para o início do ano que vem, a operacionalidade do Obamacare ruiu com um site mal desenhado e está sendo refeito, a retirada dos estímulos monetários do FED pode começar e balançar o barco da economia mundial. Saturno passará o ano em quadratura à Lua natal em Aquário, o que indica um humor popular inquieto e desconfiado, ainda há muito desemprego, bicos, meio-expediente e 50 milhões de pessoas na linha da pobreza. Até quando vai a paciência? Obama conseguiu um acordo histórico com o Irã, mesmo assim o Congresso promete novas sanções contra o país persa.
Catedral de Colônia - Alemanha
A catedral de Colônia (Alemanha) sobreviveu
aos bombardeiros da Segunda Guerra
 
União Europeia – Saturno transita a casa 4 (fundamentos) encontra Plutão natal e faz quadratura a Mercúrio, Saturno e o Sol em Aquário do mapa do tratado de Maastricht. Na Alemanha, Merkel teve que fazer uma coligação com os sociais-democratas que conseguiram estabelecer um salário mínimo nacional; na Itália Berlusconi perdeu o mandato e é processo por fraude fiscal. No final do ano começa a pressão de Urano sobre quatro4 planetas na segunda metade de Capricórnio. Até agora o BCE e o governo alemão conse-guiram segurar os países mediterrâneos, mesmo com desemprego e miséria, mas isto pode se agravar.
A eurozona pode permanecer restrita aos países do Norte e a onda de xenofobia tende a se agudizar, o autoritarismo no Leste  está  em  alta  (Hungria,  Bulgária  e
Romênia). Grande parte da União verá os dois eclipses lunares totais do ano que vem.
China – O grande quadrado de abril atingirá o Sol, Mercúrio e Netuno em Libra do mapa natal do país. Em recente reunião do Comitê Central do PC fixaram-se novas diretrizes econômicas reforçando o investimento privado, a mercantilização de terras, projetos de assistência social para o povo do campo que ainda é metade da população, relaxamento da política de filho único. A desaceleração do ritmo de crescimento foi obtida sem grandes turbulências e com os problemas do dólar, o governo chinês incentiva o investimento no exterior seja comprando empresas, seja instalando as chinesas na África e América do Sul. Saturno faz quadratura à conjunção Marte/Plutão do mapa natal em Leão, na casa 7, relações diplomáticas e balança comercial (a limitação da zona aérea já é uma manifestação disto).  Além disto, passa boa parte do ano que vem perto do MC, casa do governo.
Índia – O país passou pela crise sem grandes turbulências. Recentemente houve fugas de capital, depreciação cambial e repiques na inflação. Uma onda de violência contra mulheres e o lançamento de uma nave em direção a Marte. Uma pesada burocracia, muita corrupção, extremos climáticos, camponeses endividados e milionários extravagantes ainda compõem a paisagem. O governo anuncia uma importante reforma bancária. O vizinho Paquistão é sempre uma fonte de inquietações e tormentas. Saturno pressiona por quadratura 5 planetas em Leão, entre eles o Sol natal, e no ano que vem transitará Júpiter, regente da casa 7 (diplomacia, guerra, balança comercial). Veja mapa da Índia.
Irã – Depois de viver os últimos anos sob fortes sanções econômicas e ameaças de guerra, o novo governo iraniano conseguiu assinar um acordo preliminar com seis potências ocidentais prontificando-se a regularizar sua produção nuclear e aceitar inspeções periódicas em troca do relaxamento das restrições econômicas. O povo comemorou o acordo prevendo uma folga nas duras condições de vida, mas também há oposição, especialmente em parte do clero e na Guarda Revolucionária. Saturno transitando o Urano na casa 8 do país é o indicador astrológico adequado para tal evento e o mesmo vale para o caso da Síria, no momento em que o planeta dos anéis atravessa o Ascendente e três planetas no meio de Escorpião.
Israel – Festejos em Teerã, ira no governo israelense que qualificou o acordo de erro histórico. Para Bibi o governo iraniano é malévolo e nada confiável, a produção nuclear continuará até conseguir as armas. O país expõe conflitos domésticos latentes e um inimigo externo é absolutamente necessário para lidar com a situação. Saturno está em oposição ao Sol natal do país e com a retrogradação esta configuração atuará por meses. O Sol progredido já está bem próximo ao MC do mapa natal. O governo israelense fará o possível para desmascarar a lealdade do Irã e atos de sabotagem são possíveis. Os sauditas também estão furiosos com o acordo, os dois governos julgam-se traídos pelos EUA. É mais um passo no complicado tabuleiro do Oriente Médio, as negociações com os palestinos podem ser suspensas e os assentamentos israelitas podem aumentar. As monarquias do petróleo no Golfo andam comprando armas aos montes e gostariam de ver os sunitas no poder na Síria.
Templo em Kiev - Ucrânia
Templo em Kiev (Ucrânia), início do cristianismo russo
Rússia - O governo conseguiu ressurgir como uma força a ser levada em conta nas negociações no Oriente Médio. A economia andou se ressentindo das turbulências externas e a política doméstica continua repressiva como sempre, agora também contra os gays e manifestantes do Greenpeace sujeitos a um julgamento severo.  A quadratura Urano/Plutão atinge o eixo vertical da carta natal do país lembrando aos russos o velho problema: em direção à Europa ou Ásia? Os negócios com a China prosperam lentamente e o governo russo não desistiu totalmente da Europa, de olho nos capitais e tecnologias disponíveis. Desta indecisão brota a quase democracia russa. Revoltas na Ucrânia pedindo adesão à União Europeia são preocupantes para o governo russo. Ano que vem Saturno encontra Vênus (regente do Ascendente) e Plutão do mapa natal, enquanto Plutão no ar encontra Urano em Capricórnio no mapa natal. Os russos mantêm dois sites em português: Voz da Rússia e Notícias da Rússia. Para quem se interessa por geopolítica é preciso passar por ali algumas vezes.
Argentina e Venezuela desandam a valer com inflação, câmbio em parafuso, desabastecimento de gêneros e outras malfeitorias. Vênus, regente do Ascendente no mapa argentino, está a 11 de Câncer e em seguida o Sol a 17, e a Lua está a 19 de Capricórnio. Urano e Plutão afligirão todos estes planetas da carta natal. Será um milagre sobreviver incólume a isto. Na Venezuela não encontrei o horário da posse de Chávez em 2/2/1999, mas 4 planetas estão em Aquário sofrendo a quadratura de Saturno: Netuno, Sol/Urano e Mercúrio. Com o agravamento do quadro econômico o governo de Maduro iniciou nova rodada de pirotecnias. No Chile ocorreu uma novidade política: alguns líderes estudantis, que agitaram o país nos últimos anos, se candidataram e foram eleitos deputados para o Congresso.
Os mapas dos países citados podem ser acessados com cliques sobre os links em azul.
Simpósio do Sinarj
A diretoria está encerrando o mandato e muito foi realizado, colaborei como pude comparecendo nos três anos e autorizando a publicação de algumas crônicas editadas aqui. O evento deste ano foi marcado por muitas intervenções sobre terapêuticas: biológicas, psíquicas, energéticas e alternativas. Participei de uma mesa redonda sobre as futuras eleições com os colegas Clélia Romano, Maurício Bernis e o argentino Adolfo Gerez.
Sinarj
 
Cada um usou técnicas diferentes e chegamos a conclusões parecidas: a eleição será disputada, provavelmente com segundo turno, mas a situação (PT/PMDB) deve vencer. Eu insisti que a formalização das candidaturas será em junho e é possível a substituição dos atuais candidatos, pois há turbulências à vista vindas da economia mundial em abril e maio.
Mais detalhes sobre o Brasil na crônica de março por ocasião do ingresso solar em Áries.
Encontrei velhos amigos e conversei bastante com Maurice Jacoel que anda juntando material para um artigo longo sobre Juscelino. Atualmente ele mora em Brasília e escreveu um belo artigo sobre a capital (com toda pré-história) que vocês encontram no site da Constelar. A comunidade astrológica ainda é pequena, mas a parcela que se interessa sobre Mundial é minúscula, ninguém apresentou um balanço das manifestações deste ano, um assunto incontornável. Gerson Pelafsky, nosso colega e amigo, não esteve no Rio; mas anda postando coisas bem interessantes no Face. Ele fez uma retificação do mapa da Dilma e interpretou-o com o auxílio da doriforia, antiga técnica grega, com resultados promissores.  Conheci o Nando Guimarães ao vivo e a cores, outro que se dedica ao estudo e pesquisa em Mundial e que precisa apresentar seus trabalhos em público.
A contente mãe gentil rumo ao bicentenário
Este livro é o primeiro de uma série de três que deverão estar editados até 2022. O segundo deverá ter mais colaboradores que já comecei a aliciar. Há muitos bons artigos astrológicos
publicados e dispersos sobre a história do país, o livro oferece uma visão concatenada e sintética abordando política, economia, cultura colonial, artes visuais, música, literatura, educação e dois anexos com os mapas dos imperadores e tabelas com trânsitos e progressões em ordem cronológica.
O livro foi organizado para facilitar a vida de pesquisadores que podem aprofundar temas a partir do material publicado. O segundo volume deverá expandir os temas incluindo cinema, rádio e esportes, com previsão para daqui a dois ou três anos.
Robson, Luiza e Bruna Baldin organizaram um lançamento do livro na Gaia Astrológica. Foram extremamente acolhedores e uma entrevista comigo e Ciça Bueno foi transmitida ao vivo pela internet e está disponível no Youtube:
http://www.youtube.com/watch?v=iGERTQ2mIzA
Encontrei colegas e velhos amigos, é sempre um alento. A todos um abraço fraterno.
O livro passa a ser vendido pelo site da editora www.clubedeautores.com.br, impresso ou para e-book a preços módicos.
 
Conente Mãe Gentil
*   *   *
Ano que vem demandará paciência e autocontrole e isto exige alguma ajuda potente. A audição continuada dos salmos em hebraico, de algumas ragas indianas, música clássica árabe ou canto gregoriano podem ser eficazes. A todos um feliz 2014 e paz ao povo de boa vontade. 
Contato com o autor:
Rui Sá Silva Barros é historiador, astrólogo e
estudioso da Cabala: rui.ssbarros@uol.com.br
Outros trabalhos seus no Clube do Tarô: Autores
Edição: CKR – 3/12/2013
  Crônicas de 2013: nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | jan  
Fórum: deixe seus comentários ou questões para trocas com o Rui
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2019 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil