Home page

25 de outubro de 2021

Responsável: Constantino K. Riemma


  Torre de Babel - julho .2021
Xadrez: aberto a visitação
Rui Sá Silva Barros
Historiador e Astrólogo
Durante duas semanas Marte, Saturno e Urano fizeram aspecto tenso no céu (quadratura T) e resultou, entre outras coisas, em: 49 graus no Canadá e centenas de mortos, um prédio desabou em Miami, uma enxurrada no Japão com desabamentos e mortes, uma ofensiva séria do Taleban no Afeganistão, o assassinato do presidente do Haiti e na aceleração da crise brasileira.
Protestos — Os atos de 20 de junho foram maiores e os coordenadores marcaram outro para dia 24/7, muito longe. Diante das revelações da CPI convocaram apressadamente outro para o dia 3/7. Há alguns problemas a resolver, pois a coordenação é informal e seus processos decisórios não são abertos.  A imprensa estimula a troca do vermelho pelo verde e amarelo que até outro dia era monopólio do governo.
E pior ainda, infiltrados promoveram um quebradeira no final do evento em São Paulo. Tudo isto lembra 2013, quando os black blocks agiram e os atos minguaram rapidamente. Os próximos atos precisam crescer exponencialmente, precisam controlar os violentos, atrair trabalhadores ainda distantes e não expulsar ninguém contrário ao governo.
CPI Covid Finalmente chegou a algo concreto com as histórias da Covaxin e Astrazeneca, que mais parecem dois contos do vigário, pois as empresas, Precisa e Davati, ofereceram algo que não poderiam entregar. Todos os nomes citados do Ministério da Saúde apontam para Ricardo Barros, líder do governo na Câmara e ex-ministro da Saúde de Temer. O exército foi arrastado ao escândalo através de Pazuello, Elcio, Blanco e outros. No entanto ainda se perde tempo, a sessão com Wizard durou horas com o depoente em silêncio e os senadores discursando.
A conspiração dos batavos
A conspiração dos Batavos.
Pintura de Rembrandt – www.wikipedia.com
A prorrogação do prazo da CPI por mais 90 dias pode ser contraproducente, o material coletado até agora é bem robusto: omissão na compra de vacinas, medicamentos e equipamentos; pronunciamentos incitando o contágio e a imunidade de rebanho etc. O pedido para abertura de inquérito da prevaricação de Bolsonaro foi despachado pela PGR no mesmo dia: espere-se o relatório final da CPI. A juíza Rosa Weber reagiu e exigiu a abertura que nas mãos de Aras não dará em nada.
Já foram aplicadas mais de 100 milhões de vacinas e o resultado aparece: o número de internações e mortes caiu.  Enquanto isto a Câmara aprovou uma lei que dá impunidade a políticos e burocratas na prática de delitos, outra autoriza a invasão de terras indígenas por madeireiros e mineradores, outra altera as condições dos partidos nas eleições e mais absurdos estão na pauta.
Economia — Além de todas as agruras descritas em crônicas anteriores, temos agora a inflação elétrica produzida pela seca e descuido e isto será agravada se a privatização da Eletrobrás for feita nos moldes da lei em tramitação no Congresso. Diante de tantas más notícias o governo tenta recuperar algum apoio com a reforma do Imposto de Renda que já provoca reações adversas de alguns setores empresariais. Em 2020, 20 mil pessoas receberam mais de 230 bi de reais e praticamente não pagaram IR. O auxílio emergencial foi prorrogado por 3 meses. Cogita-se também recauchutar o Bolsa Família e mudar o nome do programa. Os golpes prosseguem variados e em extensão, o último trata de empréstimos imaginários.
O caso Lázaro desnudou aspectos das mazelas brasileiras. Ele foi preso por roubo e estupro, mas logo passou ao regime semiaberto e assassinou alguém, foi preso e fugiu meses depois, o que mostra a excelência de nosso sistema penal/penitenciário. Mais de 250 policiais, cães, helicópteros e dropes foram empregados na caçada que durou 20 dias, um vexame completo.
A cobertura dos telejornais provocou uma histeria em massa e centenas de sitiantes abandonaram suas glebas, tudo transformado em novela. A execução foi comemorada e fartamente transmitida, isto é, foi validada, uma porta aberta para a selvageria.
O governo está acuado mais ainda tem apoio na Câmara, nas polícias, Exército, em 20% dos eleitores e pode tumultuar bastante o ambiente. Por enquanto a maioria dos deputados não apoia o impeachment e isto só mudará com o crescimento dos atos de protestos. Ocorre um derretimento total nas pesquisas e no mapa de posse do atual governo, o quadrimestre setembro/dezembro próximo será o mais tenso e conflituoso de todos, a conferir.
Mundo afora
China — O Partido Comunista completou 100 anos de existência com grande festa e discurso duro do presidente Xi.  Com o Ascendente em Aquário e a Lua conjunta o que sintetiza a apresentação (República Popular da China) e o litoral cosmopolita e dinâmico. O regente Saturno em Virgem não tem aspectos maiores, mas seus retornos foram marcantes: o primeiro em 1979 deu início às reformas econômicas e o segundo em 2008 confirmou o sucesso e revelou o país como produtor de alta tecnologia.
Projeto de estação espacial chinesa
Projeto de estação espacial chinesa.
Do site www.tecmundo.com.br
O Sol está em quadratura a Urano, um traço de voluntarismo evidente no Grande Salto Adiante (1958/9) e na Revolução Cultural (1966/76). E apesar do fracasso e destruição a imagem de Mao Tsé Tung foi preservada, o Sol em trino à Lua. O stellium na casa 8 mostra a importância dos capitais externos na economia do país.
Marte e Plutão conjuntos na casa 7 (alianças, diplomacia, guerras); e o país se envolveu na guerra da Coreia pouco depois da revolução. Esta casa representa também o oeste que abriga os uigures islâmicos e onde o governo se vê acusado de opressão. O mundo rural é sinalizado em Touro, casa 4, e seu regente Vênus está próxima ao MC, a revolução dominou o campo e só depois as cidades.
O país passa por um grande desafio, pois o governo americano está decidido a bloquear sua ascensão usando vários meios, desde restrições econômicas a provocações bélicas no litoral. Júpiter, Saturno e Plutão cruzaram o Júpiter natal em Capricórnio e Plutão ainda cruzará o Asc. e a Lua quando então a questão será decidida. Veja o mapa da China.
Alemanha — Angela Merkel se despede da política, ela é conservadora e filiada ao CDU, mas em meio a balbúrdia dos últimos anos ela foi uma voz sensata e corajosa (acolheu refugiados). Deixa o país numa grande encruzilhada, pois ele é alvo de uma enorme pressão por parte do governo americano para suspender a construção de um oleoduto originário da Rússia. Se ceder pagará multa e terá que importar óleo e gás mais caros o que prejudica sua indústria cuja excelência é reconhecida e exportação é primordial para a economia alemã.
No momento, Júpiter faz quadratura ao Sol natal, Urano se aproxima de Marte (indústria mecânica) e Plutão cruza o FC (casa 4, fundamentos). O país tem o Sol e Vênus, regente do Ascendente, na casa 8 e recebeu muitos recursos do Plano Marshall depois da Segunda Guerra Mundial.
América Latina — Na Colômbia os protestos seguem para o terceiro mês, no Chile começaram os trabalhos da Assembleia Constituinte presidida por uma índia, no Paraguai a pandemia faz grandes estragos e no Peru ainda não proclamaram o resultado da eleição que deu vitória apertada a Pedro Castillo. Em Cuba protestos em uma dúzia de cidades com cartazes impressos iguais sugerindo interferência externa. A ilha não tem minérios ou combustíveis fósseis e vive sob bloqueio há 60 anos.  A pandemia cortou o turismo na ilha, uma fonte importante de recursos. A passagem de Marte sobre Urano natal sinaliza o protesto (veja o mapa de Cuba).
O show de horrores
Estava acompanhando a CPI pelos resumos e comentários na imprensa. Para mim estava claro que o governo federal tinha se omitido na compra de vacinas, remédios e equipamentos de caso pensado. Em janeiro deste ano a situação era calamitosa: a segunda onda chegava com força e a única vacina disponível era a chinesa processada pelo Butantã do rival Dória. O cenário estava aberto para improvisos e especuladores. As negociações vieram à tona agora e finalmente assisti à sessão plenária com Roberto Dias, chefe do Depto de Logística da Saúde.
Goya - O Sonho da Razão
O sono da razão produz monstros.
Obra de Goya em www.filosofia.seed.pr.gov.br
Lua e Mercúrio em conjunção em Gêmeos (a mentira teve papel importante), Marte quadratura a Urano e Vênus em oposição a Saturno, a sessão terminou em detenção e nota de militares. Foi impressionante a desorganização, a repetição tediosa das perguntas e os arroubos retóricos dos senadores.
A questão da Astrazeneca é uma palhaçada sem igual, foi a primeira vacina a ser contratada pelo governo e no começo do ano não conseguia cumprir prazo com o contrato europeu, o que era público e notório. Nisto aparece uma empresa oferecendo 400 milhões de doses sem vínculo com a fabricante, negócio oferecido por um cabo da PM mineira. É inacreditável que alguém no ministério levasse isto a sério e ainda pedisse propina por esta miragem. A Davati é americana e tudo indica trambiqueira, bem como seus representantes por aqui.
Muitas perguntas ficaram no ar: por que a Davati não foi denunciada? O celular do cabo ficou em poder da CPI, quem vendeu os áudios para a CNN divulgar e apresentar como prova da mentira sobre o jantar?  Por que os áudios e mensagens da noite do jantar não mencionam a propina? Que aconteceu depois do dia 26 de fevereiro, quando o cabo levou a proposta ao ministério, o assunto morreu?
O caso da Covaxin é mais sério. No início de janeiro o governo entrou em contato com o hindu e fez contrato com a Bharat com o maior preço do mercado.  Em março chegaria a primeira remessa, mas só mandaram uma fatura pedindo pagamento antecipado o que contrariava o contrato e foi brecado pelo Depto de Importação apesar das pressões superiores para a liberação. O funcionário Luís Ricardo e seu irmão deputado foram falar com Bolsonaro que mandou o general Pesadelo investigar e o assunto morreu no final de março.
A Bharat não tinha a menor condição de cumprir o contrato, pois o governo da Índia tinha passado 2020 em plena negligência com a pandemia e em janeiro a situação ficava crítica. A vacina não estava testada e não era referendada por nenhum órgão internacional e nem pela Anvisa. A empresa Madison de Cingapura não foi citada no contrato e apareceu na fatura como representante. O contrato ficou em aberto até recentemente e não chegou nenhuma dose, não houve multa ou denúncia.
O que restou de concreto do depoimento do Roberto é a guerra aberta entre políticos e militares no Ministério da Saúde pelo controle do cofre e que é preciso ouvir novamente o Élcio Franco, secretário executivo, hoje descansando no palácio do Planalto. Daí a nota furiosa dos militares que parecem determinados a bater palma para a dança dos malucos. Todos os envolvidos (brasileiros e estrangeiros) nos dois golpes deveriam ser processados por tentativa de corrupção e tolice qualificada.
*   *   *
Astrológica — A Escola Gaia conseguiu fazer a transição para o sistema online com sucesso, o que é motivo para comemoração, pois as escolas de astrologia no Brasil sofreram bastante com as reviravoltas da economia e sucumbiram. Dia 17/7 a Astrológica foi transmitida gratuitamente online e, novidade, contou com astrólogos iniciantes, o que é importante, eles serão o futuro de nosso saber: www.gaiaescoladeastrologia.com
Contelação de Sagitário
Mais uma estrela na constelação: partiu nossa querida amiga e colega Ana Maria Gonzalez. Nos últimos anos estive com ela por várias vezes e me impressionava seu entusiasmo e persistência na busca de entrevistas e materiais para uma história da Astrologia brasileira, no registro fotográfico belo e detalhado de uma viagem ao Egito, nos ensaios e posts sobre cinema: www.agonzalez.com.br/astrologia_3.php
Partiu tranquila em Ribeirão sob o afeto da filha Débora. Boa viagem Ana e até mais.
Rui Sá Silva Barros é historiador, astrólogo.
Mestre em História social (USP) e autor de textos sobre simbologia
(Esoterismo, ciência e sociedade). Pesquisador em Kaballa (Tarô e Qabbalah).
Oferece consultas astrológicas com ênfase nas soluções para todos os temas.
Contatos e informações: rui.ssbarros@uol.com.br ou fone: 11 2367-9179.
Outros trabalhos seus no Clube do Tarô: Autores
Edição: CKR – 16/07/2021
Fórum: partilhe seus comentários ou deixe questões para o Rui responder
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2020 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil