Home page

25 de outubro de 2021

Responsável: Constantino K. Riemma


  Torre de Babel - maio.2021
Nirvana e Sansara
Rui Sá Silva Barros
Historiador e Astrólogo
México e Índia se juntaram ao Brasil no descalabro da pandemia, governos que minimizaram a gravidade do quadro e agora exibem cenas dramáticas como os crematórios a céu aberto na Índia, que está com Urano em quadratura a Saturno/Plutão natal (veja o mapa da Índia). Como a produção de vacinas é insuficiente para a demanda atual, Biden apoia a quebra de patentes como o papa Francisco advogou no ano passado, mas as grandes farmacêuticas resistirão.
As coisas nossas
O país faz parte dos Brics e os chineses, russos e hindus são produtores de vacinas, logo deveríamos estar abastecidos, mas graças a desastrada diplomacia do atual desgoverno não é o caso. O recente caso da Sputinik é criminoso, uma vacina adotada em 62 países e sem nenhum acidente, mas a Anvisa refugou a autorização para a compra, não é nenhum segredo que o governo americano faz cerrada campanha contra a vacina russa por conta da estratégia de acuamento da Rússia. Enquanto isto morrem milhares de pessoas por aqui, mas ironia, a Sputinik consumida na Argentina é produzida no Brasil pela União Química.
Torre de Babel - maio.2021 - Nirvana e Sansara - Criança Morta - pintura de Cândido Portinari
Criança morta de Cândido Portinari
www.arteref.com
CPI COVID — Foi lançada com a conjunção Sol/Urano em oposição à Lua, promessa de turbulência e reviravoltas. Dos 11 membros, 4 são governistas e tentarão atrasar o trabalho, propondo um monte de testemunhas e documentos. Não se espera muita surpresa, pois todas as besteiras, omissões e falhas de planejamento foram realizadas em plena luz do dia e fartamente noticiadas.  O TCU já produziu alguns relatórios sobre a pandemia, é um ponto de partida que abrevia tempo.
A CPI é uma oportunidade para a reorganização dos partidos tradicionais (PSDB, DEM e PMDB) e tende a manter o governo acuado e desprestigiado, o que pode ser visto na reação do Executivo tentando impedir a instalação da comissão, bloqueando a indicação de Renan para a relatoria etc. Terá força para punir alguém ou acusar o presidente de negligência criminosa? Marte debilitado em Câncer não ajuda nesta direção.
Enquanto a CPI iniciava os trabalhos morria Paulo Gustavo, ator notável e ser humano generoso. Ficam Dona Hermínia e outros personagens que ele criou e que tanto divertiram.
A inércia popular Enquanto na América Latina pipocam protestos, por aqui nenhum pio. É doloroso ver pessoas nas filas, por horas, esperando vacina, auxílio emergencial ou uma cesta básica, e nenhum protesto organizado.  Nos protestos de 2013 o movimento sindical brilhou pela ausência, pois durante os governos do PT houve grande acomodação e desmobilização. A destituição da Dilma, as reformas trabalhista e previdenciária passaram sem reação a altura e o resultado se vê agora.  No dia 1 de maio o que se viu foi gente na rua apoiando ataques ao Congresso e STF, o único contraponto foi a manifestação organizada pelo PCO na Praça da Sé em SP.
Economia e golpes — Do desemprego, inflação e fome já tratamos nas últimas crônicas, agora vemos um a intensificação de um velho fenômeno, a incrível quantidade de golpes em curso. Com a digitalização e aplicativos a coisa saiu de controle, CPF e dados pessoais são vendidos em praça pública e o resultado disto: trambiques no auxílio emergencial (até mortos receberam), sites falsos vendendo de tudo e não entregando nada, etc. No Rio, os milicianos já cobravam taxas sobre transporte, tv a cabo e gás, agora controlam torres de telefonia e o governo estadual assiste a tudo impotente.
E enquanto isto a selvageria corre solta: 29 mortes num estúpida operação policial no Rio, crianças mortas a facadas numa pacata cidade de SC, lideranças indígenas processadas por críticas ao governo, enxurradas na região amazônica deixaram milhares desabrigados. A fome e a subnutrição campeiam.
Em maio nova quadratura Saturno/Urano e o planeta dos anéis ficará retrógrado, recapitulando as proezas deste início de ano, no final do mês eclipse total da Lua com o Sol passando pela conjunção Lua/Júpiter (veja o mapa do Brasil), Deus nos tenha!
Mundo afora
EUA — Com Marte atravessando Gêmeos e Câncer, e Júpiter o MC do país, o governo está hiperativo (veja mapa dos EUA). A belicosa retórica contra a China e Rússia desceu um tom, mas prossegue. No doméstico o governo lançou 3 pacotes econômicos de mais de 5 trilhões de dólares. O primeiro atacou a pandemia com recursos para vacinação, para proteção de trabalhadores e pequenas empresas. O segundo destina-se à recuperação da combalida infraestrutura, incentivo à energia limpa/renovável e dinheiro para pesquisa científica e técnica. O terceiro para saúde e educação. Os programas são seletivos abarcam grupos sociais especiais.
Para custear os programas o governo quer subir modestamente o imposto das grandes empresas e dos multimilionários. Era preciso fazer alguma coisa mesmo, o país estava dividido e com protestos quase diários no ano passado. O segundo programa quer recuperar o tempo perdido para a China.
União Europeia — Recentemente na reunião do G7, os dirigentes europeus condenaram a China e Rússia por violação dos direitos humanos, maior servilismo está para ser visto. A Europa é um mercado econômico muito importante e a luta por ele será tremenda como já dito em crônicas anteriores. Quanto aos direitos humanos os países colonizados pelos europeus devem ter algo a dizer, bem como as populações islâmicas residentes na Europa.
Neonazistas alemães desfilam contra o isolamento social, militares aposentados franceses soltam um manifesto dizendo que o país está a beira do colapso, o que não indica nenhuma solidez democrática nos dois países mais importantes do continente. A vacinação se arrasta, pois a produção da Astrazeneca está lenta.  A Europa está em pleno retorno de Saturno (veja o mapa da União Europeia) e os governos preparam o turismo de verão, crucial para a economia.
Torre de Babel - maio.2021 - Nirvana e Sansara - praia no Mediterrâneo
Praia no verão Mediterrâneo
www.pt.dreamstime.com
América Latina — Em El Salvador, o Congresso decapitou a Suprema Corte enquanto a liderança indígena no Equador fez campanha por um banqueiro que ganhou as eleições presidenciais, esta liderança já esqueça a intensa mobilização de 2019 para combater o aumento no preço dos combustíveis, algo que agora pode ocorrer tranquilamente.
A crise estourou na Colômbia, onde vários governos apoiados pelos EUA não conseguiram organizar minimamente a sociedade. Em meio à pandemia surge uma reforma tributária elevando vários impostos, os protestos foram intensos e o governo recuou. Os protestos prosseguem, pois a vacinação é lentíssima e a violência é enorme. O governo está pendurado no exército e na polícia. Plutão está em oposição ao Sol e Saturno em quadratura a Urano (veja o mapa da Colômbia).
Israel — Foram 4 eleições em 2 anos e está difícil montar um governo, para Netanyahu que está com processos nas costas, é questão de vida ou morte sua permanência no cargo de primeiro ministro. Agora aconteceu algo importante, um grupo de ortodoxos resolveu hostilizar palestinos na esplanada das mesquitas em Jerusalém em pleno Ramadan, é quase uma declaração de guerra. O país está com Urano em quadratura a Saturno/Plutão natal (veja o mapa de Israel).
Economia mundial — Diante dos pacotes de Biden, os arautos do mercado financeiro temem inflação e a secretária do Tesouro ponderou um pequeno aumento nas taxas de juros americanas. Imediatamente ordens de vendas de ações choveram. Com baixas taxas de juros e a economia rastejando, muito dinheiro foi canalizado para as ações, títulos e derivativos formando uma grande bolha, mesmo empresas com prejuízo no balanço tinham altos preços em suas ações. É questão de tempo e a coisa virá abaixo.
Notas sobre o Budismo
Dizem os budistas que a cada 500 anos diminui a eficácia da proclamação do Darma e aos 2500 anos ela cessa, diante disto um novo Buda precisa vir e fazer uma nova proclamação, ele já tem nome, Maytreia, e é bom que venha. Pesquisando sobre o assunto encontrei algumas teses acadêmicas, são sérias e valem a pena, mas na internet a história é outra  e achei sutras traduzidos em espanhol e recitados, eram pura autoajuda, o que é o auge da degradação.
Desde as primeiras traduções de doutrinas orientais feitas na Europa os equívocos se acumularam. As primeiras traduções dos sutras budistas datam do início do século 19 e vários equívocos se desenvolveram, eis alguns:
1 – O budismo é uma doutrina ateia – Não, ela admite a realidade de mundos celestiais e deuses, mas eles também são criados e, portanto, condicionados, sujeitos a regras, limites e dissolução. O alvo é a libertação do sansara e não alcançar um mundo celestial. Além disto, o budismo popular em países asiáticos têm orações com pedidos a várias deidades.
2 – O Nirvana é um aniquilamento – Não, é um estado espiritual incondicionado, o resultado da libertação e, portanto, livre do sansara, a roda da existência.
3 – Filosofia budista – No Ocidente falam e escrevem sobre a filosofia budista, ela não existe. Filosofia é basicamente argumentação sobre um tema, a literatura budista trata de experiências, vivências e meditação profunda. Na Europa do século 19, meditação é uma reflexão detalhada e racional. Budismo sem prática é entretenimento ocidental.
Neste sentido as coisas foram longe, Sidarta Gautama, o Desperto, recusou-se terminantemente a tratar de temas metafísicos porque isto desviaria os buscadores do alvo final, como ilustrado na história do guerreiro flechado. Naturalmente com o passar do tempo as questões foram repondidas e várias correntes surgiram.
4 – Budismo e estoicismo – Schopenhauer e Nietzsche fizeram está aproximação bastante equivocada, a tranquilidade da alma e a calma diante das adversidades são os alvos dos estoicos, no budismo a coisa é inteiramente outra e estes atributos aparecem como resultado da libertação. É perfeitamente possível manter uma aparência de tranquilidade e calma com um pouco de treino ou em caso de psicopatia.
A situação atual melhorou bastante, pois traduções foram feitas por monges budistas para línguas ocidentais e vários deles se instalaram por aqui. Há templos de todas as variedades e para todas as necessidades. A prática de uma doutrina está ligada ao clima, alimentação e costumes de uma região, o que estamos vendo no momento é uma experiência: ela pode ser útil em outras regiões?
Torre de Babel - maio.2021 - Nirvana e Sansara - Mandala tibetana
Mandala de areia tibetana para concentração.
www.mandamystica.com.br
Subhuti, se algum bom e piedoso discípulo, homem ou mulher, por motivação caridosa sacrificou sua vida, geração após geração, tão numerosas como os grãos do de areia nos bilhões de universos, e outro discípulo permanecer apenas estudando e observando um único stanza desta Escritura e explicando-a a outros, o mérito deste será muito maior.
Do Sutra do Diamante
Rui Sá Silva Barros é historiador, astrólogo.
Mestre em História social (USP) e autor de textos sobre simbologia
(Esoterismo, ciência e sociedade). Pesquisador em Kaballa (Tarô e Qabbalah).
Oferece consultas astrológicas com ênfase nas soluções para todos os temas.
Contatos e informações: rui.ssbarros@uol.com.br ou fone: 11 2367-9179.
Outros trabalhos seus no Clube do Tarô: Autores
Edição: CKR – 10/05/2021
Fórum: partilhe seus comentários ou deixe questões para o Rui responder
  Baralho Cigano
  Tarô Egípcio
  Quatro pilares
  Orientação
  O Momento
  I Ching
Publicidade Google
 
Todos os direitos reservados © 2005-2020 por Constantino K. Riemma  -  São Paulo, Brasil